sábado, 27 de dezembro de 2008

.

Sim, tah tudo bem. Nao, eu nao estou analfabeta. Devo ter pego virus... meus acentos as vezes saem, as vezes nao saem... Eu passei de ano, ainda estou naquela de apaixonadinha... pq sim, ainda estamos juntos. Meu ciumes mais brando. Todo mundo sumiu. A carol tambem. Ja tenho 18... novos vicios... Novas maneiras de ver a vida... sem influencias. As vezes eu quero morrer. As vezes simplesmente rir para sempre... de tudo.
Estamos bem. Eu acho.
Bom, conversas peculiares no MSN.... Caroline danadinha! Me solta uma dessas e quer que eu fique bem! ahaiuhaiuahaiua
Depressao. Eh isso Mundex. Beijos.

segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

Tchau manhê

Então né mulher.
Eu pedi pra você me ajudar, pelo menos pra criar meus filhos. Eu ainda não sei trocar fraldas. Mas tá, se Ele te chamou e nçao te deu mais 5 minutinhos eu entendo. Mãããeee, o pai perguntou se no céu tem internet.. Sei lá se vc tem o endereço do blog, mas dizem que daí vcs veem tudo.. (feche os olhos nas cenas picantes).. vai ver você consegue o link.
A Marcela tá mais tranquila, tpa sentindo tua falta, mas acho que agora ela toma banho sem ninguém mandar. Não precisava vc ter apelado pra ela fazer isso, eu daria um jeito fácil.
Pai comprou um MP5 pra ela e um cel pra mim. Vai durar mais de dois meses tá, prometo. Mas dá uma força porque eu sou esquecida.
O pai tá triste pra caramba, cuida dele e deixa ele comigo mais um tempo. Preciso de ajuda pra criar a Lala, deixa ele aqui tá bem tô precisando mais do que você, não discuta.
Olha, tô com saudade, mas to seguindo, e vou continuar de pé. Tudo o que eu fiz esses anos foi por você. E não me arrependo de nada. Gritamos, brigamos e nos amamos incondicionalmente. Eu vou tentar levantar cedo, e você tente não brigar com muita gente por ai. Se você estiver com a Vó, mande um beijo pra ela. Vou esperar você me por na cama todas as noites...
E olha só, se as coisas continuarem assim.. talvez eu desencalhe e case ;) uhuhuh
Beijo mãe..
Saudade de você..
se cuida aí, e cuida da gente aqui.
(Ainda não sei lavar roupa saco!)


Amo você, com tudo o que existe em mim.
Obrigada por me dar a vida.. e po rme ensinar a viver.

quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

Aneurisma Cerebral.

O que é?
Aneurisma cerebral é uma dilatação anormal de uma artéria cerebral que pode levar a ruptura da mesma no local enfraquecido e dilatado.
Uma comparação de como se parece um aneurisma é a dilatação ou irregularidade da câmara de um pneu. Formam-se irregularidades na superfície da câmara e em um destes locais há ruptura da mesma com perda de ar sob pressão. Nos indivíduos que têm aneurisma cerebral há a ruptura desta irregularidade da artéria cerebral e "vazamento" de sangue para um espaço virtual que existe no cérebro chamado de "espaço subaracnóide".
A ruptura inicial de um aneurisma cerebral leva à morte quase um terço dos pacientes. Alguns pacientes apresentam dois ou mais episódios de hemorragia do aneurisma cerebral. Em cada uma das hemorragias o risco de morte vai se somando.

Como se desenvolve?
A ruptura do aneurisma pode ocorrer durante toda a vida, mas é mais freqüente entre a quarta e quinta década de vida.
Muitas pessoas nascem com aneurismas cerebrais, os chamados aneurismas congênitos os quais, ao longo da vida, podem aumentar e romper.
Existem fatores de risco como parentesco de sangue próximo ao de alguém que já teve aneurisma, principalmente irmãos.
Outros fatores de risco são: hipertensão arterial, dislipidemias (alteração do colesterol e triglicerídeos), doenças do colágeno, diabete mélito (açúcar no sangue) e fumo.

quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

Minha razão de viver

Por onde começar?
Não sei..
É morte cerebral. 0% de chances dela voltar. E não tem nada mais na minha cabeça.
Eu to morrendo por dentro..
E ela lá.. Que Deus tenha compaixão de nós. Dela, da minha irmã e do meu pai.

Ô minha mãe... como eu amo você...


"Como eu digo ao meu coração?
Que você não volta mais não
Como eu posso me convencer?
Que o amor virou ilusão...
Se eu sobreviver mesmo assim
No dia seguinte do fim
E no seu lugar uma dor
Quem vai tomar conta de mim?...
E quem é que vai me abraçar?
Me pedindo pra não chorar
Quando a saudade bater?...
Entende que eu não vou conseguir
Por isso você pode partir
Só que eu também vou com você...
Mas se você me deixar
O mundo pode acabar
Eu não vou mais
Acreditar em ninguém
E nunca mais vou amar
Não quero me machucar
Pra dar amor a um coração
Que não tem...
Se você me deixar
Não quero sol nem luar
Pode levar minha razão de viver..."

Ontem.

Não que o dia todo tenha sido bom, não que a minha mãe ligando as 2 da tarde dizendo que o melhor seria que ela desse um tiro no ouvido e acabasse logo com aquilo tenha ajudado em alguma coisa... Não que a Carol e o Paulo revoltados da vida comigo tenham sido agradáveis de lidar, não que o Ronaldo falando poucas e boas do meu desempenho escolar tenha sido fácil, mas...
COM CERTEZA a melhor parte foi ELE me pegando no ponto (em Cachoeira), a gente junto de novo. Aquele gosto, aquele cheiro, tudo renovado e melhor, cada dia melhor. Eu não posso reclamar, eu não posso. Ele é simplesmente tudo.

terça-feira, 9 de dezembro de 2008

:D

Viciei nessa carinha feliz.
Tudo bem, dei pití ontem porque vi o meu pai de relance. E sei que ele me viu. Desandei a chorar, soluçar como uma louca. E realmente pareci. Eu não sei mais o que fazer. Eu devia estar frágil, doa a quem doer, depois... enfim.
Não é pra entender, droga, eu devo estar perdendo o juÍzo. Chorei, chorei sem me importar com nada. Uma pontinha de nojo de mim, aquele resto de excitação instantaneamente transformada em desespero, em desamparo. Eis o que não saiu da cabeça enquanto lá estava eu me desmanchando no ombro dele: "Não tem mais ninguém pra cuidar de mim."
E não tem mesmo. Tudo bem. Hoje tudo bem.
Pretendo ir na escola, pretendo comprar passe, enfim. Não tou pretendendo pensar hoje. Não mesmo.
Bom, por mais que eu relutasse, deu/deram 11 horas... Banho>rodoviária>PRF.

terça-feira, 2 de dezembro de 2008

Quando o silêncio fala mais.

Estivemos assim: Próximos.
Eu precisava aprender a confiar incondicionalmente. Mesmo que não fizesse sentido, mesmo que significasse perder um pouco mais. Ele diz que quer me fazer bem. E eu apenas estou me entregando sem pensar, sem ouvir mais nada além do que ele diz. Eu não me importo, não me importo mais em me preocupar. Eu não vou mais cair e, se cair, até hoje ele vem me segurando antes que eu chegue no chão. Que me importa o que ela diz, que me importa o que qualquer um diz. A gente tá bem, bem, BEM. E é uma sensação de paz enormemente reconfortante de que eu ainda tenho pra quem voltar.
Aqueles olhos, aquele jeito, aquela forma de falar o português correto e ao mesmo tempo tão macia de dizer que gosta de mim. E o silêncio que tanto me incomodava ontem me disse coisas maiores do que as palavras diriam.
Eu estou pateticamente encantada. Ao ponto de poder falar horas a respeito de um assunto bem resolvido. Capaz de narrar o gosto dele, a maneira como ele me leva embora e me acostuma com o melhor. Capaz de dizer exatamente quando aquela postura de homem que tanto me assustava se transforma no jeito do menino que eu não conheci.
E, saindo da poesia, não sei o que fazer. Eu ficaria a vida toda nessa se me deixassem. Mas sinto que não deixarão.
Okay, de novo, eu parei de pensar. Parei de deixar que previsões de problemas correspondessem ao fim disso tudo. A gente tá bem DEMAIS. E dessa vez eu pretendo me esforçar pra que isso seja pra sempre.

domingo, 30 de novembro de 2008

Eu ainda não quero me despedir. Ainda não acabou! Mas todos aqueles abraços e lágrimas e "até um dia"... Era "Até segunda". Agora essa segunda não vai chegar mais... Tá fazendo falta já.



Ps: De repente me descobri brilhando nos olhos de um alguém...

domingo, 23 de novembro de 2008

Try Again!

Noooovoooo lay! Eu adoraria que srta. Amanda Coutinho desse uma opinião!
=D
Correria, trabalhos, presentes, vestidos, problemas!
Perdi meu celular =(.

To mal.

terça-feira, 18 de novembro de 2008

*.*

I'm back. Back. I just read 'try not to miss those who care about you.' MSN's Paulinha. Yeah, but when and in that attempt, we shall miss with the same people? And when, in one of those there for us if perfectionism humanitarian tool? Yeah, bro. They have situations where, or if wrong with the other, or if wrong with it. And when you screw with himself, is a burden too big, because if wrong with the other also. On the other hand, is wrong with the other, it is obvious that means at least a part of us is being neglected. Look, I love it, but I complicated. Increasingly complicated.

Things that nobody would read without bag'

I tired, you know. Tired. I went there and installed a small button of 'fucking everybody'. No, he did not. Neither you, Carol. It is about life, with my father, my mother too. Make me depressed. They all. I want to scream! I want to die, I don't know. I want to throw between the arms of Cláudio and stay there. The whole life. He is so perfect, so cute. I love him. I think I need to surround myself a lot of people love. Without bag to live, without bag you continue with patience. WITHOUT bag. Baah.

segunda-feira, 17 de novembro de 2008

Coisas de Orkut

Sorte de hoje:
Você se transforma no que pensa
(não pense que você é um super-herói e não tente voar)

.

Filha, "estampadas" é com M. Antes de P e B sempre M... Lembra? E o artigo tem que concordar com o predicativo do objeto. "As resposta" não, né, Bem? É aS rspostaS. Muito bem.
Mas essa menina pseudo tudo me intriga. Ela é um poço de ignorância, mas ainda persiste em se afirmar perante todos. E vem sempre me encher o saco com suas ladainhas de sempre, com a voz alta e arrastada e aquelas perebinhas no canto da boca que me dão nojo, citando suas musiquinhas decoradas de Chico, e- pasmem - Simple Plan!!! Ah, não. Em seu conhecimento raso, seus conceitos lidos em algum livro que um idiota indicou e memorizado às pressas para ser repetido quando for preciso, na sua pose de rockeira-cowboy-brega. Ah, me poupeeee. Comunidades de "O monge e o Executivo"? Ahhhh. Além do que, a coitada deveria se vestir melhor. Aquele casaquinho de vovó me rendeu boooas risadas. Uma maquiagem cairia bem... mas voltando, ela é cansativa. E é vadia. É vadia, pois adora cutucar o que não é dela. Iiiiso porque ela tem lá o soldadinho dela. Tem um interesse medíocre por homens que não lhe pertencem, e é aí que acho graça e me compadeço. Ela gosta de sobras. Será que ela lamenta isso? Lamenta o fato de ser um consolo? Eu lamento por ela. Porque eu sou generosa. No fim das contas, sinto remorso de pensar isso tudo dela. Ela é legalzinha. Mas só à primeira vista... é medíocre, é tola, é criança ainda. Mas eu juro. Se ela vier me encher o saco de novo com esse papinho de Chicomania e Simple Plan eu surto e dou-lhe umas boas frases de bom nível filosófico, como por exemplo: “ah, vai se foder!” ou do tipo mais elegante, no estilo shakespeariano: “Vá foder consigo ou com alguém. De preferência com quem estiver solteiro, ok?” . Droga. Idiotazinha medíocre. Entrem em depressão comigo. Na boa, sou MAIS eu.

sexta-feira, 14 de novembro de 2008

TPM;

Quanto tempo? Nem sei! Tô terminando o livro já. Deve ser algo de que eu deva me orgulhar.. talvez. Eu? Tô bem! Tô ótemA!! De uns meses pra cá, meu quadril e coxas dilataram num volume consideravel para que eu passasse a chamar a atenção na rua. Meu ciume teve um avanço realmente preocupante ao ponto que eu simplismente passei a odiar qualquer coisa relacionada ao vôlei. Vai viajar, vá! Me esquece então! Mande tudo à merda e ve se adianta essa despedida que vem sendo empurrada por palavras carinhosas que me fazem crer que de repente algo pode salvar toda essa situação. E na verdade tudo o que eu quero é ir não é? Porque, afinal, ele é só mais um. E o resto? Não existe resto! Mesmo porque esse "resto" é o que realmente importa! É o motivo pelo qual eu vou chorar todas as noites, e implorar para que exista uma coisa chamada destino e que eles estejam no meu! Eu voltei a ouvir as músicas depressivas que me trazem o passado de volta e me fazem ajoelhar e perguntar desesperadamente por que diabos foi acontecer justo comigo!


"Eu poderia ficar acordado só para ouvir você respirar
Ver o seu rosto sorrindo enquanto você dorme.."
(Eu fiz isso vaaaaaarias vezes!)



Ai que OH! A cabeça tá rodando, o fim do ano tá chegando, eu to me complicando!
Eu só peço que as coisas estejam no lugar certo...



Uma confissão:
(Quando eu fecho os olhos, ainda é você que eu vejo.)
shiu.
Boa noite
Hoje pela manhã decidi que escreveria alguma coisa, muito embora inspiração não houvesse, só cansaço. A última semana tem sido de completo dengo, zelo, cuidados, preocupações e chateações. Mas como me disseram, comecemos pelo começo.
Meu caso interminável de amor fez 8 meses na quinta. Estamos bem e felizes. Ele me encanta, me faz flutuar. Mas me caaansa, me deixa louca! Cá entre nós, estamos rápidos demais. Um monte de vezes tenho vontade de deixar as coisas acontecerem mas quando faço isso.. elas acontecem demais! Tenho medo do que ele está fazendo comigo.

quarta-feira, 12 de novembro de 2008

comentário rapidinho.

Essa demora e esse tanto de senha que a gente tem que fornecer pro blogger tá tirando o tesão de postar, mano.
Quando chega o que era pra ser o 'climax'... Já tou em depressão já. E já cansei da vida.
Que droga. Em todos os sentidos. Que droga.

terça-feira, 4 de novembro de 2008

Lojas Freddy todo dia!!!

Amanda e eu na rua, depois de 700ml de açaí, a caminho de um x-burg.!:
"Lojas Freddy - Quase tudo por 1,95!!!!"


Faltou só um desenho de um Ursinho do lado..
E frisa o NOVENTA E CINCO CENTAVOS!!!
Santa criatividade meu Deus!
Eeeeta povão bão!

Obrigada pela noite,
Obrigada por me ouvir,
Por me permitir ouvir,
Obrigada por 1 ano e meio de um mundo criado pra nós.

Boa noite minha ruiva.
amo você.

sábado, 1 de novembro de 2008

Ele sabe.

Será que ele sabe que eu morreria por ele? Será que ele sabe que eu sei que ele não me ama? Será que ele entende que não me interessa mais nada além de saber que ele está feliz?

Tortura..

Tenho que parar com essa mania de auto-tortura.

sexta-feira, 31 de outubro de 2008

.. Coisas que a gente escuta...

E outra noite que se vai
E eu não to correndo atrás
Quanto tempo já passou
E a gente nem se falou
Quanta coisa a gente faz
Depois quer voltar atrás
Outra noite que você
Passa e finge que nem vê
Não esconde o teu rancor
Quer tentar me enlouquecer
Quanta coisa a gente faz
Depois quer voltar atrás
Então me diz alguma coisa
Bate aqui de madrugada
Pra lembrar daquele tempo
Pra sempre ou só por um momento
Me dá um beijo na boca
E depois me leva pra tua casa
Perguntou por mim que eu sei
Olha por mim vai tudo bem
Disse que me viu passar por ai
E que eu não tava muito bem
Quanta coisa a gente faz
Depois quer voltar atras
Então me diz alguma coisa
Toca um Marley na viola
Pra lembrar daquele tempo
Pra sempre ou só por um momento
Me dá um beijo na boca
E depois me leva pra tua casa
Perguntou por mim que eu sei
Olha por mim vai tudo bem
Disse que me viu passar por ai
E que eu não tava muito bem
Quanta coisa a gente faz
Depois quer voltar atrás
Então me diz alguma coisa
Bate aqui de madrugada
Pra lembrar daquele tempo
Pra sempre ou só por um momento
Me dá um beijo na boca
E depois me leva pra tua casa

segunda-feira, 27 de outubro de 2008

Ai, faz tanto tempo que não posto decentemente.
Droga. Ontem até tentei, mas sabe quando tudo o que se escreve parece psicologia barata, plágio das idéias de alguém? Taí. Tenho me sentido muito assim ultimamente. Li num lugar que se sentir sem lugar é crise de identidade. Poxa, puta crise ferrenha então! Por vezes se encontrar é muito válido. Mas quer saber? Eu tou bem assim... perdida. Pelo menos não preciso dar satisfações à mãe nenhuma, pai nenhum, nem namorado nenhum (mesmo porque eu não tenho um). É, beleza de vida.
Ando muito light, por sinal. Pelo menos hoje. Sexta e sábado tive crises intermináveis de "estou sozinha sim! E não me venha com esse papinho!" e "me deixem sofrer em paz". Mas aí, quando a gente resolve olhar pro lado... quero dizer, pra rua, pra África, pra meninas mortas por namorados... você descobre que é um emocore em potencial.
É. Passei a manhã lendo a Alê, dando F5 nos e-mails e procurando pessoas interessantes nos contatos de MSN online (em vão).
Antes de acordar, jurei por Deus que se a Danielle estivesse online, eu a desbloquearia e falaria todas as verdades que fosse possível dizer. Ela não estava. E se estivesse, eu não faria nada disso. Só por hoje me lembrarei de que é perda de tempo. Uma GRANDE perda de tempo.
Estou feliz, mesmo não estando bem. Li uma coisa... tipo "eu sou feliz por mim mesma, e não há quem interfira em minha felicidade". Achei bonito. Resolvi tentar.
Ex, ex, ex namorado na cola. Alguém acredita nisso? Eu não acredito. Tá ligando, mandando mensagem, e-mail e dizendo coisas do tipo "destino traçado" e "eu sempre te amei".
Hoho. Poupe-me, sim? Que ridículo. Acho que permito porque acho engraçado. E porque faz bem pro meu Ego. Nada que me abale. Nem minimamente.
Carol e eu conversamos, decidimos que a Danny ainda não está merecendo a morte dolorosa que eu estava planejando e que se gelo não é o melhor pra ela, talvez uma conversa amigável venha a significar uma boa solução. Mesmo que a morte por espancamento, dolorosamente articulada, tenha me causado espasmos de prazer.
Agora pouco dei banho na Rô, a minha centenária de 15 anos. Coitadinha! Tinha que ver como ela oferecia pouquíssima resistência ao sabão no olho. Era quase como se não sentisse dor. A Rô chegou à um estágio muito superior a isso, sabe. Quase um Nirvana. Pobre Rô. Talvez o último sabãozinho no eye.
;P Mentira! Ela ainda viverá décadas!
Com ELE, tudo anda bem. Ele está meio estranho nos e-mails. Mas me ignore com esse tipo de comentário. Tá todo mundo CARECA de saber que eu tenho dessas coisas. Mas no geral tudo bem. Acho estranho ele sumir. E minha cabeça sempre trabalha. Ainda mais com tudo que se sabe dos homens e da capacidade absurda que a maioria deles tem de fazer a nós, mulheres de bem, loucas obsessivas.
Ah, mas pareço outra pessoa quando estou com ele. Eu não penso, eu apenas faço. E acredito, e entrego, e amo... E não tenho mais medo nenhum. E estou apenas ali. Entre os braços dele, aqueles braços que me apertam e parecem me amar também.
Mas aí quando eu saio de lá e dou uma olhadinha pra trás, não é mais aquela irracionalidade que eu encontro. É um mixto de solidão, amor sem correspondência, vazio, intensidade- muita intensidade e saudade do que nunca foi. Mas no fim, eu nunca me importei. Nunca.
Não escolho pertencer ou não àquele homem. Contrangedora e assustadoramente, é ele quem me escolhe ou não. É ele que diz ou não se quer que eu fique mais um segundo, algumas horas, dias, ou a vida inteira esperando por um olhar, um beijo, um abraço, alguns minutos de atenção.
E eu ainda não desisti de estar no controle. Juro que não. Dia atrás de dia, eu crio mantras e auto-sugestões conscientes e todo o tipo de coisas absurdas. Que se dane.
Que-se-dane!
Se quer saber, eu ando parecendo meio louca. Seriamente louca.
Francamente, que dera. Se um dia eu endoidar, saio rogando pragas e tacando pedras pelada no calçadão. Ai, me faz bem só pensar nisso.
Beijos de saudade.
;*

sábado, 25 de outubro de 2008

O silêncio também corrói.

Ai, frases que eu queria dizer:

Pra mãe: Pára!!!

Pro pai: Ande logo com isso.

Pro Juninho: Eu cuido de você.

Pro Cláudio: Eu te amo, mas tenho tanto medo.

Pro Thiago: Nunca mais fale comigo.

Pra Danny: É sério, sua cota de desaforos já atingiu um limite muito tolerante.

Pra Paula: Fale com o Paulo.

Pro Lucas: Devolva meu cabo USB e o meu CD do Power DVD. Ah, e pare de ser idiota.

Pra Xuxa: Você não é o Peter Pan.

Pro Caian: Você é o Homer?

Pra Priscila: Você não me engana. ;/

Pro Alluísio: Pare de me cutucar.

Pro Marcílio: Eu não desisti de matemática e acredite: VOU passar. Nem que isso implique seqüestar alguém da sua família.

Pro Ronaldo (de português): Uma estrelinha? Ah, me poupe, homem.

Pro Ronaldo (de TLBD, Redes, GSO e todo tipo de matérias que ele conseguir dar): Você não pode ser de verdade!

Pra Tia Meg: Tia, a senhora é massa! Jura que vai me adotar!? *-*

segunda-feira, 20 de outubro de 2008

.. só pra constar.

Comecei um post mais fiquei com vergonha após ler a Alê.
Um conselho: Nunca abra o vígula e seu blog para postar. Você fica querendo MORRER depois.

domingo, 19 de outubro de 2008

desespero.com

Churrasco hoje em casa.
Mais ou menos umas 25 pessoas.
Tá chovendo!
E sente só o drama: Quem ia ajudar a dar a carne...SUMIU!

Churrasco do ovo, traga seu ovo e coma-o com vinagrete, arroz e salpicão...
É tudo o que temos!!!

ai caramba!

quarta-feira, 8 de outubro de 2008

\õ/

Ai, e foi MUITO mais que perfeito. Foi, foi... Ah, não inventaram a palavra. foi, foi, foi.
E é só eu me descontrolar um pouquinho pra ficar sonhando acordada com aqueles olhos... com aquele cheiro tão esquecido. Como me faz bem... Eu quero me explodir de felicidade. Porque por 3 horas o mundo parou. Por 3 horas as coisas ficaram 100% boas de novo. E ainda estão. Amor que não tem tamanho. Quero ficar assim pra sempre.
Obrigada.

terça-feira, 7 de outubro de 2008

... oi!

"Sexo verbal não faz meu estilo, palavras são erros e os erros são seus.."
Erros, erros.
Tem tanta gente os comentendo.
E eu tou aqui... não estou imunizada não.
Tenho que ir na aula porque o Lucas cortou o cabelo e quer que eu veja.
Mas quer saber? Tou a fim não!
Hoje é terça-feira e passa aquelas coisas engraçadinhas na televisão.
Taí, vou me privar das aulas da ETE hoje.
ELE tá meio distante... é, ELE. Tá distante. E eu paranóica. Céus! Preciso ver o mundo! Nem bebi o suficiente sábado. E sim, a porra do fígado é meu.
Que droga.
Ai, eu tou tão chateada e chata ultimamente. Bom, a novidade da semana é que os meus pais vão se separar e eu não sei como me sinto a respeito. Esse assunto rola há anos mas só agora o meu pai decidiu tomar as rédias da situação e consultar um advogado. Bom, eu juro por Deus que prefiro não pensar nisso. A minha mãe tá um porre. Por essas semanas, andou triste, falou em tiros na cabeça e tudo o mais. Consultou meus avós do Além e lançou chantagens emocionais a torto e a direito. E é claro que o Júnior as compra.
Olha, eu sinceramente gosto de parecer insensível quando a dor está me corroendo.
E com ELE... ah, é com ele que eu quero estar. é nos braços dele que eu quero me perder... e ficar lá pra sempre. Ou até o fim do ano chegar e acabar com a minha felicidade.. me puxando à realidade de que fomos só um passatempo um para o outro. Um passatempo triste, sem cor... fantasiado. Mas eu estou é me empenhando pra que ele entenda que eu não sei o que tou fazendo. Apenas estou fazendo. E acho que ele tá entendendo.
Mas me confunde. Um dia, só atenções, o outro, some. Juro por Deus que não quero mais ser tão paranóica com assinaturas de e-mail e adicionais... Mas estou velha demais pra acreditar em contos de fada. E ele definitivamente não estava nos meus planos pra esse ano. Poxa vida! Eu tinha prometido não me apaixonar mais... nem ficar boba por mais ninguém!
\o/ que absurdo!

aff.
são as palavras.

domingo, 5 de outubro de 2008

Ai caramba!

3º dia sozinha. Depois da fase "Uhul eu posso tudo!", vem a fase "Nada pra fazer, ninguém pra encher o saco!".
Eu tô entrando em profunda depressão nessa casa abandonada! Tirando a Mallu que come TUDO o que encontra pela frente, e as cachorras que fazem barulho quando querem alguma coisa (puro interesse), não há uma santa alma nessa casa pra me fazer companhia! Hoje eu tirei o dia pra dormir! Acordei às 11 (meu sábado foi BEM conturbado!), arrumei tudo feliz e contente acreditando que minha mamãe chegaria pela tarde. Almocei direitinho, deitei e dormi! Forevermente até que o telefone toca e ela me diz que só vem amanhã cedo ¬¬. Dormi mais ainda!!! Acordei às 7 e descobri que não tinha nem trocado de roupa ainda! Dia inteiro largada num colchão esperando o mundo acabar num barranco pra que eu pudesse morrer encostada!
Agora tô aqui ouvindo músicas depressivas de um cd antigo de clipes da minha mãe, teclando e vendo a Mallu deitadinha no meio da sala(tão linda!) . Arrumei forças seiláeudeonde pra tomar um banho e fazer minha janta! Tá me dando um desespero absurdo ficar aqui sozinha! Mas também não sei se vou chamar alguém pra dormir aqui não. Umas confusões apenas...
Fim do ano chegando de novo e eu com mais uma decisão tomada. Campinas que me espere um pouco mais, tô indo pro Rio com meus pais.
É, depois de toda a campanha que eu fiz, mudei de idéia! Por puro comodismo, ou por medo de quebrar a cara cedo demais. Pelo simples fato de que eu quero ser FILHA um pouco mais. Se eu posso ter a vantagem de ter meus pais por perto mais um tempo, não tem porque dar de apressada e sair de casa sem um bom motivo aparente! Dificil vai ser deixar tudo pra trás.. dificil vai ser não sentir saudade de tudo isso que me fez tão eu.
Tô caindo no teclado! Não acredito que não é nem meia noite ainda e eu já tô me rendendo!
Boa noite Mundex!
Bejo minha Ruiva!
... reza pra que eu sobreviva a essa noite de puro tédio!

;O

Meu Deus! O que acontece com ELE hoje?
Acho que tou assustada. Quantas vezes será necessário dizer? Eu te amo sempre me pareceu suficiente.
Homens são mais complicados que mulheres. Eu tenho que dizer?
Céus! E qdo tudo parece bem... a confusão é com ele!
Francamente!

segunda-feira, 29 de setembro de 2008

E me diz como é que querem que eu resista?

Luk@$$$ diz:
vc sempre foi , e e sempre sera mais que o suficiente para mim
Amanda. diz:
...
Luk@$$$ diz:
são coisas q podem, ser resolvidas
Amanda. diz:
Vc tem que parar de falar essas coisas pra mim.
Luk@$$$ diz:
facilmente
Luk@$$$ diz:
amanda , naum diria nada se naum fosse o q meu coração quisesse falr
Luk@$$$ diz:
na verdade ele quer gritar pra todo mundo !
Amanda. diz:
... Lucas, mas é tudo tão difícil...
Amanda. diz:
Eu nem sei mais pra onde correr.
Luk@$$$ diz:
corre pra mim.




Que drogaaa!
Como é que eu respondo à uma redenção dessas? Como é que eu digo não pra isso, se é tudo o que eu preciso ouvir?
E o outro, humpf! O outro apenas quer ficar por cima. Acho que se a confusão quer fazer prarte de mim, eu não tenho nada que resistir.
;*

sábado, 27 de setembro de 2008

Depois de anos sem postar...

Believe me: O jejum de posts em nada tem a ver com felicidade.
;P
É só que tudo parecia estranhamente bizarro. Nostálgico e novo, ao mesmo tempo.
Não importa. Tanto tempo sem postar nunca mais.
Dei pití de novo, fiz as pazes de novo, prometi parar com a gracinha de me afastar de novo.
"óH, tudo igual!" Eu sei, odiável Courtney.
Mas irrelevemos minhas culpas uma vez. Eu tava mal. Mas finalmente acertei minha vida e decidi dar todas as fichas no meu homem maduro e experiente e parar de seguir uns conselhos aí. Já que ninguém aceita os meus.
Tou bem agora.
Mas é tarde demais (na hora) pra falar trivialidades. Pai tá fora, a liberdade me chama, mas eu realmente prefiro ficar. Amo muito³ tudo isso.
E amanhã, ah, amanhã a gente pensa.
Minha mãe tá um porre.
:P
Amor, Amanda.

Se a vida fosse como mãe pensa...

... seria tão melhor!Minha mãe pensa que eu sou drogada, prostuída, bêbada, que faço orgias sexuais com estranhos, que tenho os piores amigos do mundo e eles me influenciam para o lado negro da força, que saio todo dia para lugares obscuros, que vivo dizendo que vou fazer uma coisa quando, na verdade, vou fazer algo muito pior e vergonhoso...
Óh... mal sabe ela como minha vida é vazia...

;/

quarta-feira, 17 de setembro de 2008

com carinho ao Tio Rô!

Ele aterroriza as noites (manhãs e tardes) da ETE, ele implica, ridiculariza, ENCHE O SACO de todos os alunos! Mas o melhor de tudo isso é que o professor Ronaldo Malta desperta nos alunos um instinto cruel, sanguinário, ASSASSINO!! Uma vontade louca e absurda vinda seiláeudeonde de acabar com a vida daquele cidadão. Sinceramente, ele deveria ter medo de andar sozinho Oo.
Em uma dessas noites enlouquecedoras de 3 aulas seguidas do sujeito, Paulo, Amanda e eu (o ** vem na frente) estávamos pensando em alguma maneira ABSURDA de torturar aquele ser! Eis a situação:

Pra começar, o atentado seria no laboratório 1, onde 20 lindas maquinas NOVINHAS rodam com HD's à 7200 rotações por minuto. (muaahuahuahua) Tio Rô seria amarrado à sua cadeira sentado com as pernas pra frente e sem se desfazer de nenhum de seus objetos pessoais (carteira, aliança, celular, squeiro, etc) depois de amarrado e amordaçado, colocariamos uma Coca-Cola 3 litros beeeem gelada a sua frente, sem que ele pudesse tocá-la (6)! Com uma GRANDE coxinha beeeem gordurosa ao lado (adoraria ver aqueles olhos azuis comendo a coxinha muahuahuahu). Então começaríamos a festa! Muita comida e bebida em cima dos teclados, alunos pulando e apostando corrida nas cadeiras, TODOS OS MSN's E ORKUT's DA VIDA ABERTOS! caixas de e-mails, sites pornôs e todos os jogos possiveis! Celulares tocando, mp3, 4 e 5 ligados e todo mundo com fone de ouvido!
Durante a festa, em um ritual macabro, pegariamos o cigarro dele e faríamos PICADINHO de cada um até reduzí-los a pó!
Com um calor de 38°, Ronaldo estaria sem ventiladores e com TODOS OS BOTÕES DA CAMISA FECHADOS! E sem a bunda aparecendo! Privado de qualquer piadinha besta, ou qualquer intromissão(ç?) na vida dos alunos. Estaria PROIBIDO de usar qualquer TÁ, PURA E SIMPLISMENTE , GALERINHA DO BEM E DO MAL, ou qualquer coisa que marque sua personalidade assustadora!
Depois disso trancaríamos ele no laboratório COM TODOS OS PC's LIGADOS! Luz acesa e tudo o que puxa energia plugado, durante uma semana definhando no ambiente em que ele próprio criou e educou seus monstrinhos =).

Só uma idéia que nos passou pela cabeça..
Uffa, me sinto mais leve por ter colocado tudo isso pra fora.
Quem quiser compartilhar de minha dor estarei aberta a sugestões!

Mapa astral

É grandeee! Meu mapa astral! Ahhh pra quem acredita chega a ser interessante. É só entrar no site:

http://somostodosum.ig.com.br/mapa

Seu signo é: Gêmeos ... O EU Interior

O terceiro signo do Zodíaco, Gêmeos, se inicia em 21 de Maio e termina em 21 de Junho. É um signo de Ar, mutável, positivo, masculino duplo, estéril, loquaz e volátil. É regido pelo planeta Mercúrio, que simboliza o intelecto, a razão. Se identifica com o elemento aéreo, a dualidade, e tem uma grande habilidade para os negócios, o trabalho intelectual, as relações, o comercio, e os meios de comunicação. O planeta Mercúrio, na mitologia grega, era o mensageiro dos Deuses, trazendo e levando notícias, mas também fazendo lá suas fofocas (que não foram poucas!). Os nativos do signo são pessoas de grande poder intelectual, muitas vezes usado indevidamente. Explico: por serem muito curiosos, e terem tendência à superficialidade, cansam-se facilmente de um assunto e passam para outro assim que dominam o primeiro. Sendo expertos, têm facilidade para enganar os outros, e são excelentes comerciantes. Têm o dom da comunicabilidade, sendo às vezes um pouco tagarelas! Sua mente é engenhosa, hábil, com facilidade de compreensão e assimilação. Têm facilidade de se adaptar às mudanças na vida, gostando de experiências sempre novas e renovadas. Devem tomar cuidado para não dispersar suas energias, por causa do elemento volátil de que são feitos. Têm facilidade para línguas e têm o dom da imitação. Gostam de argumentar e seu raciocínio lógico lhes dá sempre razão! Cuidado para não trapacear! Os nativos de Gêmeos possuem também habilidade manual, que pode torná-los hábeis prestidigitadores (mágicos ou ladrões)! Depende sempre de como são utilizados os dons!Os pontos fracos em seu organismo são: os pulmões, os braços, mãos e ombros, onde estarão sujeitos a descarregarem as suas ansiedades. Por isso têm facilidade de resfriados e todas as complicações do aparelho respiratório.

Gêmeos e o Amor:

O Geminiano, é rápido para se apaixonar, e diz tudo o que pensa. Se for romântico não terá dificuldade de expressar os seus sentimentos, de maneira bastante direta. Não sendo muito paciente pode não dar tempo ao parceiro de reagir, ou não escutá-lo com suficiente atenção. Ele costuma colocar "as palavras na boca dos outros"! Às vezes ele tem necessidade de mais de um relacionamento, e para não ser acusado de inconstância, deve falar francamente com o parceiro, já que nem todos os relacionamentos são necessariamente "sexuais". Outro ponto importante é o relacionamento intelectual com o parceiro, já que ele precisa de um estímulo constante de interesse. Pratique a paciência.


Ascendente em EscorpiãoO

Ascendente tem relação com sua aparência física e com o jeito que você se apresenta aos outros. Você que tem o Ascendente em Escorpião, não passa despercebido. Seu olhar penetrante e sua expressão determinada demonstram uma força interior imensa (é pra rir?). A sua natureza firme e magnética pode provocar mal-estar em pessoas mais frágeis: você parece estar sempre perscrutando o interior para enxergar através e analisar o conteúdo. A natureza do signo transparece em suas ações que podem parecer arrogantes e demasiadamente exigentes. A passionalidade inerente ao signo também pode ser muito evidente em sua maneira de agir, levando você a procurar satisfazer seus prazeres de forma intensa e profunda. A concretização de seus objetivos é conseguida com determinação e garra insuperáveis. Uma tendência a se envolver de forma exagerada nos relacionamentos amorosos pode se tornar perigosas se mal canalizada: as explosões de ciúme e ódio são comuns a quem tem este signo no ascendente. Você dá muita importância ao relacionamento afetivo que é exigente e exclusivo. As qualidades energéticas incontestáveis e excitantes do signo de Escorpião aparecem muito no Ascendente, mesmo se você se esforça em mantê-las secretas, como é característica do signo. Pouco falante e muito observador, você analisa muito mas não gosta de ser analisado. Você possui grande aptidão para estudos profundos e pesquisas secretas. O temperamento linfático lhe confere características emotivas e sentimentais.


Lua em Libra As Suas relacões emocionais.

Você é um ser muito sociável e amável e gosta de estar sempre rodeado de pessoas. Você tem atração pela vida social, aptidões artísticas e musicais(to rindo!). Você se expressa de maneira refinada e possui senso estético. Na mulher de forma especial (mas também no homem muitas vezes), esta Lua confere elegância e porte, assim como bom gosto no vestir e um refinamento natural. Sua memória é hábil (com certeza!) e seu raciocínio talentoso, sendo capaz de apaziguar conflitos chegando a compromissos satisfatórios para ambas as partes. Você possui qualidades diplomáticas inatas. Você dá muita importância ao casamento, procurando constantemente o seu ‘par ideal’, já que não consegue viver com a sua ‘cara metade’. Se sua Lua estiver ‘aflita’ você poder sofrer de inconstância no campo sentimental, alguma infidelidade e poderá ter relações íntimas numerosas. Também poderá dar demasiada importância à opinião dos outros e a da sociedade. Se for mulher você pode ser algo superficial e imprudente em suas atitudes. Esta não é uma Lua muito fértil para a mulher.

sexta-feira, 29 de agosto de 2008

always.

"Por você faria isso mil vezes..."
...
mil vezes...

quinta-feira, 28 de agosto de 2008

Maybe too late.

De qualquer forma, as coisas não estão mais no lugar.

E eu simplesmente não consigo acreditar que alguém possa se deixar virar a cabeça por alguém que conheceu há uns 2 meses. Juro que não. Sabe quando você se decepciona ao ponto máximo com alguém? Bom, nada será como antes. Porque se o Rudson acha que eu voltaria atrás a partir de agora, bom... eu não voltarei. Isso é RIDÍCULO!!! "Confiar em mim?"... Céus! E quanto ao outro lado da história? Francamente. Tenho coisas mais importantes pra pensar.

Acho que estou entrando em crise de novo com ELE. É, again.

Eu tento me segurar, Deus sabe o quanto eu tento... Mas é sério: não dá não.

Sabe quando você sente que não tem mais nada a ser feito? E ELE não faz NADA pra eu me convencer de que ainda tem mais coisas pra gente. Acho que ele acha que não tem também.

Me peguei com nojo esses dias. Foi quando ela ligou. Não queria ter que encostar nele, quanto mais beijar.

Ai, eu não sei. Acho que já deu. Acho que vou terminar com isso em breve, assim que me sentir com os pés no chão de novo. Mas dessa vez tem que ser definitivo, porque tanto eu quanto ele (eu tenho certeza) já nos cansamos desse vai-e-volta que eu sempre provoco.

Acaba comigo pensar no extenso passado dele... mesmo. Me deixa no chão. Claro, eu não fui nenhuma santa (nem sou também), mas nem me comparo com as coisas debaixo dos panos dele.

Li que saudade também acaba... fiquei feliz. E triste. É como eu guardo as pessoas.

... Enquanto ELE leva as cores, eu espero que volte com o fogo de antes e diga que tudo vai ficar bem... e que ELE me ama também.

Mas aí eu abro os olhos e ele está lá. Ocupado com aqueles celulares, abafando os risinhos e dizendo que me adora.. em resposta ao meu "eu te amo"...

Talvez, apenas não valha a pena. E ELE não faz nada pra que valha.

Estou dizendo adeus, e não, eu NÃO vou ligar.



;)



Tudo que vai deixa um gosto.

sexta-feira, 22 de agosto de 2008

"Cuidar bem dele"?
Mas eu cuido, não cuido?!
Droga, por que ela tem que ser tão legal?
O pior é que eu não consigo não gostar dela e desejar que ela fique longe.
Ela É uma ÓTIMA pessoa, o que me faz sentir desmotivada a continuar com meus planos de "Azar! Ele teve 500 namoradas? Eu sou a melhor delas, mesmo não sendo uma delas!".. eu sei lá.. Tentei ficar light esses dias, curar minhas crises sozinha.. Mas acredite: É DIFÍCIL! Vontade é de gritar com ele, dizer que não sou isso.. Dizer que acho que isso não tá funcionando.. Mas está.
Eu disse "eu te amo" pra ele.. e soou verdadeiro pra mim. Não, ele não me ama... Estou presa à isso e não consigo me soltar. Gostaria que ele me amasse também... mas isso não dói tanto quanto parece.
Enquanto isso, o Lucas.. ah, o Lucas..
Esse nome que me persegue, aquele rosto de anjo e educação ímpar... o jeito de criança, a postura de criança... e o rosto de anjo.. que que eu faço, meu Deus?!
Ando com saudade dos rostos de anjos... como eu poderia dizer não? Ser indiferente?
Acho que não consigo me perdoar. Mas ainda assim, foi como se não fizesse diferença..
Ele me deixou entrar primeiro, ele disse que eu estava linda.. De onde surgiu esse garoto? E me diz, por que raios ele se interessou por mim assim? Danadinha da Danny! Céus... Acho que tanto tempo com um cara maduro, me fez esquecer as maravilhas da paixão adolescente.. do frio na barriga, das náuseas que eu sentia..
Eu apenas não sei.
E todo mundo que chega me fala o quanto ele é lindo, e o cabelo é lindo e loiro... e LISO! Sim! Liso, maior que o meu.. LINDO.
Sabe-se lá de onde ele apareceu.
Carol faltou ontem. Hoje tem prova do Ronaldo. Eu tou perdida.. Mas não importa.
Tudo anda bem.
Tou indo tomar banho. Desculpa pelo jejum de posts!
Desculpa pelas subjetividades. Eu contaria o que está acontecendo REALMENTE, mas hoje não.

bjO.

quarta-feira, 13 de agosto de 2008

Quarta Feira 13

Tá tarde. Muito tarde. E eu não consigo dormir... Vou ficar lendo aquele livro que contrariadamente a Amanda me emprestou.
Depois de séculos eu postando de novo heim! É .. o que é que uma ponta de angústia não faz com uma pessoa. Tô com aquela sensação de perda, aquela que faz eu imaginar que tô perdendo todo mundo que eu amo. Loucura? Pode ser... começou hoje quando chegay em casa e receni a notícia de que meu pai vai pro Rio sexta e volta só daqui a um mês. E quantas coisas não podem acontecer em um mês.. Ai fiquei com aquela sensação HORRORÍVEL de que alguma coisa estava pra dar errado. De fato o ônibus quebrou, chegay 15 minutos atrasada, quis matar o Ronaldo (isso é normal), e fiquei com medo de vir embora. Tô aqui agora porque amanhã não vou na aula. Cedinho da vida estarei em Cruzeiro pra passar o dia todo lá fazendo merdanenhuma, pra depois voltar e ver meu pai de malas prontas pra ir pra um lugar que eu não conheço. De novo. E depois esperar ele voltar... Não gosto de ficar sem meu pai, é como se eu estivesse totalmente desprotegida... É como se nada mais fosse certo.
Aí pra finalizar ainda recebo um "Quando eu voltar precisamos conversar". Não que o orkut me permita definir o tom da coisa, mas coisa boa não parece ser. Tô pronta pro pior. Não há nada até hoje que eu não tenha superado, não acerdito que haja algo que ainda possa me atingir permanentemente.
A sensação continua...
Tá chovendo...
Tô com medo.


Manda, mudei o lay again. Caso não goste.. avisa que eu troco tá bem?
Bejo
Boa noite.

sábado, 2 de agosto de 2008

15 dias!

15 dias sem postar!
Como isso, né??
Mas, ow! Eu tou aqui... sempre e sempre..
Lembra? Quando a vida anda boa a gente esquece de escrever porque as palavras se tornam superficiais...
Claro, não que a vida ande aquela maravilha, mas sim.. quanto mais eu tento dizer, mais me torno uma chata... então, tou calando a boca.
Passei a semana fazendo ceninha, dizendo que não, aderindo a pose "estou machucada" e talz pra no último dia voltar atrás e tascar um beijão no meu homem... bom, tudo bem... superamos todos...
Nem ligo mais, tou bem com ele, mesmo que as coisas não estejam 100%, sabe...
Eu quero mais é que se dane, não quero mais ter que saber quem eu sou...
Eu sou isso e acabou.
E ele, bom, ele é tudo o que eu penso...


Volto em breve com os meus indispensáveis detalhes;

E Carol... perdoa, a carne é fraca, prometa ainda estar aí.
Te amo ;x

quinta-feira, 31 de julho de 2008

Caindo..

Eu passaria a noite inteira digitando o que vem se passando na minha head nos últimos dias... Mas acredito que meu pai não permitiria ¬¬.
Eu pretendo voltar a postar centenas de linhas falando sobre tudo e mais um pouco... não agora. Em breve, assim que eu tiver uma tarde livre, e acredite: não é tão fácil assim!
Eu não tô aquelas coisas... claaaaro, porque quando tudo vai bem, a gente arruma alguma coisa pra por defeito!

Lágrimasescondidasepensamentosquenãolevamalugarnenhum.
São só alguns dias...

sábado, 26 de julho de 2008

O texto que me fez chorar...

Quem não tem namorado é alguém que tirou férias remuneradas de si mesmo. Namorado é a mais difícil das conquistas. Difícil porque namorado de verdade é muito raro. Necessita de adivinhação, de pele, saliva, lágrima, nuvem, quindim, brisa ou filosofia. Paquera, gabira, flerte, caso, transa, envolvimento, até paixão é fácil. Mas namorado mesmo é muito difícil.
Namorado não precisa ser o mais bonito, mas ser aquele a quem se quer proteger e quando se chega ao lado dele a gente treme, sua frio, e quase desmaia pedindo proteção. A proteção dele não precisa ser parruda ou bandoleira: basta um olhar de compreensão ou mesmo de aflição.
Quem não tem namorado não é quem não tem amor: é quem não sabe o gosto de namorar. Se você tem três pretendentes, dois paqueras, um envolvimento, dois amantes e um esposo; mesmo assim pode não ter nenhum namorado. Não tem namorado quem não sabe o gosto da chuva, cinema, sessão das duas, medo do pai, sanduíche da padaria ou drible no trabalho.
Não tem namorado quem transa sem carinho, quem se acaricia sem vontade de virar lagartixa e quem ama sem alegria.
Não tem namorado quem faz pactos de amor apenas com a infelicidade. Namorar é fazer pactos com a felicidade, ainda que rápida, escondida, fugidia ou impossível de curar.
Não tem namorado quem não sabe dar o valor de mãos dadas, de carinho escondido na hora que passa o filme, da flor catada no muro e entregue de repente, de poesia de Fernando Pessoa, Vinícius de Moraes ou Chico Buarque, lida bem devagar, de gargalhada quando fala junto ou descobre a meia rasgada, de ânsia enorme de viajar junto para a Escócia, ou mesmo de metrô, bonde, nuvem, cavalo, tapete mágico ou foguete interplanetário.
Não tem namorado quem não gosta de dormir, fazer sesta abraçado, fazer compra junto. Não tem namorado quem não gosta de falar do próprio amor nem de ficar horas e horas olhando o mistério do outro dentro dos olhos dele; abobalhados de alegria pela lucidez do amor.
Não tem namorado quem não redescobre a criança e a do amado e vai com ela a parques, fliperamas, beira d'água, show do Milton Nascimento, bosques enluarados, ruas de sonhos ou musical da Metro.
Não tem namorado quem não tem música secreta com ele, quem não dedica livros, quem não recorta artigos, quem não se chateia com o fato de seu bem ser paquerado. Não tem namorado quem ama sem gostar; quem gosta sem curtir quem curte sem aprofundar. Não tem namorado quem nunca sentiu o gosto de ser lembrado de repente no fim de semana, na madrugada ou meio-dia do dia de sol em plena praia cheia de rivais.
Não tem namorado quem ama sem se dedicar, quem namora sem brincar, quem vive cheio de obrigações; quem faz sexo sem esperar o outro ir junto com ele.
Não tem namorado que confunde solidão com ficar sozinho e em paz. Não tem namorado quem não fala sozinho, não ri de si mesmo e quem tem medo de ser afetivo.
Se você não tem namorado porque não descobriu que o amor é alegre e você vive pesando 200Kg de grilos e de medos. Ponha a saia mais leve, aquela de chita, e passeie de mãos dadas com o ar. Enfeite-se com margaridas e ternuras e escove a alma com leves fricções de esperança. De alma escovada e coração estouvado, saia do quintal de si mesma e descubra o próprio jardim.
Acorde com gosto de caqui e sorria lírios para quem passe debaixo de sua janela. Ponha intenção de quermesse em seus olhos e beba licor de contos de fada. Ande como se o chão estivesse repleto de sons de flauta e do céu descesse uma névoa de borboletas, cada qual trazendo uma pérola falante a dizer frases sutis e palavras de galanteio.
Se você não tem namorado é porque não enlouqueceu aquele pouquinho necessário para fazer a vida parar e, de repente, parecer que faz sentido.

Artur da Távola

quinta-feira, 24 de julho de 2008

Nexo

Entre uns e outros
Alguns e nada
Pode ser que apareça uma dose de paCiÊnciA
Pra que eu consiga ir até o fim.

sexta-feira, 18 de julho de 2008

Há!

AdoreiI!!
Uma semana em Caraguá, garotas de biquini, um monte de gente pra bejá...
Eu também não me importo!
Não nos importamos!
Ahaza pessoa, segunda estaremos tooodos na Ete once again.
\o/

quinta-feira, 17 de julho de 2008

... Todos estamos bem então!
E a DaNNy passou na ETE..
E EU passei de módulo..
Nem tem como não estar bem.
Aliás, eu tou pirando sem escola.
PIRANDO!
Saudade da correria, saudade de falar da vida alheia [2].
hauahuahauahauha
Tou bem, é tou bem.
Ela nem é tão bonita. É velha e se acha.
Além do mais, eu não me importo.

bjO.

quarta-feira, 16 de julho de 2008

Tarde da noite.

Meia noite e pouco! (ai que emoção não preciso falar a hora porque agora sei mudar!) Msn's da vida e falta do que fazer...Sabe né? Músicas com letras que dizem mais do que eu preciso ouvir e o pote de bala da minha irmã bem de baixo do meu nariz; acredito que ela não precisa saber que eu peguei uns chiclets Oo.
Faz tempo que eu não posto né? Motivos justos acredite!
E quando eu entro pra postar não tenho nada de interessante a dizer¬¬. Que vida! Tô cansada de não fazer nada, de ficar sem escola, de ficar sem professores... Vi a Jane hoje! Senti saudade das aulas dela! Olha só o que as férias fazem comigo!!! Eu tô com saudade da JANE! Vai ver é saudade de ter o que fazer, com quem conversar, pessoas pra olhar e vidas pra comentar (que vergonha)!
...Superficial? Claro! Ainda não me acostumei com a idéia ok! Ahh eu devo estar bem! Passei pela TPM, pelo aniversário da Jéssica, por interrogatórios do meu pai, falta de atenção da Amanda, volta da minha mãe, Jogos Mortais3, confissões no meio da madrugada e por todo o frio que vem fazendo à noite! Eu tô bem... mesmo!




















Só um trecho...
"Eu sei que esses detalhes vão sumir na longa estrada
do tempo que transforma todo amor em quase nada
mas quase também é mais um detalhe
um grande amor não vai morrer assim
por isso, de vez em quando você vai
vai lembrar de mim"

quinta-feira, 10 de julho de 2008

Quarta-Feira de Cinzas ¬¬

Tá, eu sei que já passou da meia noite mas eu tenho que contar meu feriado! E preciso contar antes que as minhas pernas parem de doer e a minha memória esqueça de detalhes pequenos que me fizeram tão bem essa noite.
Começa que hoje foi aniversário do Skky, melhor amigo do Pedro (meu namorado). Foi um churrasco numa chácara ai da vida! Sabe, bebidas o dia todo, sabe-se lá Deus o que tinha pra comer, um onte de gente desconhecida porque foi festa aberta, tudo aquilo que eu não gosto! Pra falar a verdade detesto ambientes em que não conheço muito as pessoas, ou então que o nivel de intimidade seja tão baixo assim. Não me agrada! Não me sinto à vontade, não sei! Sei que ele passou um mês tentando me convencer, de todas as maneiras possíveis, em ir ao bendito churrasco com ele, e eu, é claro, firme na minha decisão. Nuuuunca que eu iria! Nem por namorado, nem por quem quer que fosse! Eu ia passar o feriado em casa, fazendo nada, assistindo televisão, sem sofrer nem um pouco com o fato de que ele estaria bebendo litros e mais litros de qualquer coisa com o teor de álcool absurdamente elevado! Engano meu.
Era uma e alguma coisa da tarde quando o Rudson passou aqui me chamando pra ir à casa da Paula (que mora longe!) fazer uma visitinha assim.. como quem não quer nada. Believe: eu não pensei nem duas vezes antes de responder sim! E fomos nós felizes e contentes pela Madame Curie o resto da vida! Andei, andei, andeiiiii forever naquela rua até chegar a casa da Paulinha que mora ali.. do lado da Dutra! O caminho foi até fácil na ida.. sabe né, conversando, brincando, rindo e isso e aquilo; cheguei cansada, porém viva! Quando eu acreditei que tinha acabado, Paula resolve ir a casa da Amanda e o pior de tudo: EU CONCORDEI. Assim de bom humor e tudo mais! Não que ir a casa da Manda seja um tormento. Nunca! Mas venhamos e convenhamos, eu teria de atravessar a cidade, e depois teria de voltar pra casa! Enfim, como nos feriados nossa mente fica em choque pelas porcarias que passam na TV, eu fiquei lá deitada à sombra, tomando litros d'água e AS (aqueles comprimidinhos pra gripe que criança toma) enquanto ela colocava um tênis pra longa jornada. Ahh a vida daí pra frente foi só andar! Andei, andei, andei pra sempre na 7 de Setembro até a casa da Amanda, que por sinal, é quase do lado de onde estava sendo o churrasco. Então imagina só a minha situação: o povo tenta de todas as maneiras, sem sucesso, me convencer em ir ao bendito aniversário, mas o Rudson aparece em casa e eu saio de livre e espontânea vontade e me desloco até à casa da Amanda que é ali do lado...
Enfim chegamos lá e foi A DIFICULDADE tirar a Amanda de casa! Tá que o cabelo dela estava sujo, o meu também estava, o do Ruh também.. a Paula só estava sem escova.. nada que afetasse a vida daquele cabelo liso dela! Depois de meia hora suada, ENFIM fomos nós! Pra onde? Pra casa da Paula de novo! Meu DEUSSSSSS!!!!! Minhas pernas estavam sofrendo já quando entramos na 7 de setembro mais uma vez e andamos mais uma eternidade. Casa da Paula, um pacote de bolacha detonado em minutos, fotos no parquinho, risadas³²¹²³¹²³¹²³²¹³²³¹²³¹³²³¹²³²¹²³²¹ !!! Mas quem disse que acabou??? A srta. Amanda resolve comer algo na cidade, claro que eu , uma menina ocupada, tinha compromisso. Então eles que me esperassem! Depois de andar de novo a Madame Curie INTEIRA, cheguei em casa e descobri que não ia ter que sair com o povo da crisma, ou seja, 5 minutos de pausa e depois vamos nós de novo andar! Opa, Serve Quente! Comemos um Pastel ENORME, que matou toda a minha fome! E tinha mais!!! Depois de sair dali, Manda e eu (burro vem na frente =P) tomamos 400ml de Açaí com Leite condensado e Morangos, e Ruh tomou sorvete! Claro que a Amanda tinha que deixar a marquinha dela... ela perdeu o dinheiro ¬¬. Ficamos Ruh e eu, ali, sentados, olhando a vida, comentando das pessoas, esperando ela ir buscar dim dim, porque nossa pobreza não nos permite abrir a carteira (qual?) e ajudar na conta! Passou todo mundo que não poderia passar ali! E é claro que o povo ADORA comentar sobre a vida alheia, eu também gosto, dessa vez eu fui comentada!
Depois de chocolates, açaís, sorvetes, pastéis e fantas, fomos levar a Amanda na casa dela! Tadinha da minha perna... andava sozinha já... nem sentia mais nada! No caminho da casa da Manda eu quase morri de tanto rir... Levando-se em conta os caras que passavam invejando o lugar do Ruh entre uma Ruiva e uma Morena, e os comentários básicos que chocavam... (abafa!) Ruh foi fazer PLOFT! na parede, não calculou a distância nem a força e foi com mais impacto do que pretendia, resumindo: deu uma trombada na parede que deixou ele mancando e reclamando de dor. Eu ajoelhei pra rir, achei que fosse ter um filho ali! Depois estavamos comentando sobre o feriado, sabe, perguntando feriado do que era; e a santa inteligência ligou os fatos mais rápido que o cérebro podia aguentar. Claro, hoje é feriado? Quarta feira? AHHH QUARTA DE CINZAS!!!! Oo, Pai, perdoai!
Levamos a Amanda até a casa dela, e depois ficamos no portão... conversando sobre o futuro que assusta tanto...E eu notei que não vou ter 17 anos pra vida toda. É realmente preocupante! Foi meia hora pra falar sério sobre o que tá tão perto e a gente queria que estivesse um pouco mais distante... Sei lá. Sei que depois quase morremos, Ruh e eu, na volta pra casa de tanto frio! Nada que nos impeça de descer o morro do quartel correndo e quase chegar lá em baixo rolando! 11 em ponto na porta de casa! Conversas perdidas pelos minutos que meu pai me cedeu antes de , com a maior grosseria, me mandar entrar. E mais coisas de infância... e mais histórias antigas... e mais um tempo com essas pessoas...
Adoraria mais feriados assim...
Porque embora eu não sinta as minhas pernas... Foi bom rir até a barriga doer, ou andar até as pernas cansarem, ou comer até parecer uma grávida!

Obrigada Amanda, Paula e Rudson... =P
Vou ficar esperando por outras "quartas-feira de cinzas" pra poder esquecer do mundo, e poder rir das coisas boas da vida...
Boa noite!







PS: EU CONSEGUI MUDAR A HORA DO BLOGGER!!!!!

domingo, 6 de julho de 2008

Fim do dia...

Mãe e irmã em Crz. e Pai trabalhando... Ele deve estar pra chegar mas não vai mudar o fato de que passarei minha semana praticamente sozinha..
Depois de tarde com namorado. Tô eu aqui imaginando se meu posto tá ameaçado...
Eu ainda espero a eternidade...
Pai chegou, hora de sair.

Acessos de raiva à parte...

Agora não é hora pra falsidades, embora cada centímetro de mim se sinta sendento por informações... No fim, a mentira faz tanto mal que me dá náuseas.
E antes que eu me esqueça disso:
Você é ridículo, e sua displiscência me faz rir!

bjO.

E os babados afloram mais;

Credo!
Pessoas duvidando da masculinidade do meu Paulety!
Acho que é melhor parar de chamar ele assim então... Paulety, Paulety! Parece uma Biba mesmo, né?
Tadinho do meu menino-homem do abraço apertado e o beijo bom pra burro. Tadinho... Tá que estamos meio "brigados", mas não, essa não é a palavra certa.. Eu não consigo brigar com ele.. É uma frustração.
Me mandou um e-mail lindo e grande me dizendo o quanto eu sou importante e o quanto se sentiu mal pelo que aconteceu nesse último dia de aula na ETE... Me senti compelida a responder, como me pedia o próprio mail, mas... Sei lá, ando me sentindo meio culpada por muitas coisas e por todos esses babados acontecendo aí na minha volta, sendo que é tão difícil me manter imparcial quanto ao Paulo... tão difícil.
E antes que eu me esqueça, toquem Chão de Giz com Elba e Zé Ramalho quando eu morrer! Por favor, por favor!
Ai, ai, tou aqui nas malditas páginas azuis do orkut... E acabei de encontrar a minha ex-melhor amiga... Deus, como as coisas mudam! Ela é uma funkeira agora! Você sabe o que isso significaria à 5 anos pra mim? Que trágico.
Tudo bem, ela tá tão feia agora, as orelhas protuberaram e as fotos mais bonitas parecem o Alf o ETeimoso de touquinha.
Estranho.
ELE nem sequer me mandou um e-mail esse FDS! Que ódio!
Que ódio!
O MSN tá chato, a vida tá tediosa, nadica pra se fazer a não ser morrer de tédio como hamsters.
Droga.
Droga.
Droga.
De repente mais tarde eu volto... Claro, se a rodinha não estiver mais legal.

BjO.

sábado, 5 de julho de 2008

Perdida em pensamentos...

Não tem absolutamente NADA pra fazer! Nem sei se a Peste vem me tirar dessa depressão que é a internet. Um vício que me consoooome! Ai eu fico aqui procurando músicas, lendo bobeiras, submersa em Orkut's e Msn's. Tô procurando as músicas que eu vou por no vídeo do meu pai. Mais um que vai entrar pra lista "Eu tenho um vídeo!". Ahhh e se ele for pro Rio e meu abraço não diga o que eu quero dizer? E se eu não tiver forças pra expressar??? Vou ver ele de 15 em 15 dias só e, acredite, faz diferença!
"Pai!
Você foi meu herói meu bandido
Hoje é mais
Muito mais que um amigo
Nem você nem ninguém tá sozinho
Você faz parte desse caminho
Que hoje eu sigo em paz"

Não vou conseguir falar com todas as letras que nesses 17 anos, ele foi o meu tipo errado de exemplo certo... Depois eu penso no vídeo.

F.É.R.I.A.S.!.
Finalmente! Não aguentava mais nenhuma escola! E confesso que cagay de medo de não passar de módulo! Carregar DP, qualquer coisa! Ahh me aguarde semestre que vem! NEVER MORE eu permitirei que a minha frequência caia tanto e as minhas notas fiquem tão próximas do vermelho! A Ete deu trabalho nesse semestre! Não sei se foi a Ete que me deu trabalho, ou se eu que dei trabalho à Ete. Quantas aulas matadas, quantos lanches, açaís, motos, morros, beijos proibidos, e tantas outras coisas não aconteceram! E as aulas de OSA que eu nunca assisti... as de IMC depois do intervalo que me forçavam a voltar pra casa por pura preguiça! E as lágrimas nos banheiros... na sala... no pátio. Os chocolates que eu ganhei... os abraços que eu dei... os olhares que não disfarcei... as loucuras que cometi. Não sei se são Mais 6 meses, ou menos 6. Parece que tá ficando tudo pra trás sabe? Fechei o semestre e junto com ele já deixei coisa pra trás! Deixei meus 16 anos, deixei minha solteirice =P, deixei meu Tigre, deixei uma ponta da minha esperança de ser gente, deixei meu pai ir embora... só não deixei meu medo de cair no mundo, não deixei minha irresponsabilidade, meu olhar de menina, minha vontade de não crescer, não deixei meu amor pelo impossível nem o carinho pelo incerto... Não consegui deixar as palavras que machucaram e muito menos aquelas que me levaram ao céu. Não deixei pra trás ainda a imensa vontade de fazer com que o mundo pare só um pouquinho pra eu pensar em tudo isso.
Tá cada vez mais forte a sensação de perda... faltam só 6 meses! SÓ SEIS MESES!!! Entende??? Eu tenho só esse tempo com eles... E no fim vou eu me jogar na estrada de novo e perder toda a minha segurança de amigos de tempos... Vou pra onde agora? Pro Rio, pra Campinas, pra Crz? Sei lá! Sei lá como lidar com isso! Parece que todas as outras vezes que eu fui obrigada a ir embora sem sequer olhar pra trás não serviram de nada! Porque parece que agora vai ser muito pior... Pela primeira vez eu posso dizer que eu deixei marcas aqui. E que eu tô carregando um monte de gente dentro de mim. Detesto sofrer antes da hora mas me diz como não sofrer quando o Fim que parecia tão ridiculamente irreal agora tá assombrando meus dias apontando o último semestre como última chance de fazer e falar e viver tudo o que eu puder... depois disso... só Deus dirá o que o tempo vai fazer com as nossas lembranças.
Aff chega dessa dramatização toda! Passe na Ete e fechei o bimestre no GP com notas azuis (será?). Agora tô curtindo Tédio na frente do computador cerca de 15 horas por dia! O resto do tempo eu durmo! Não que eu não tenha o que fazer.. é só que EU NÃO TENHO O QUE FAZER! Que Bartzinho querido não me ouça falando isso... ahh fazer o quê se ele mora lá no outro canto da cidade e passa o tempo todo treinando, jogando, e isso e aquilo! Não que eu esteja reclamando do tempo que meu namorado NÃO tem pra mim... que isso! Tô agradecendo por ter um. Mas nem sempre dá pra ser a menina certinha que entende tudo! Hoje fazem 3 dias que eu não vejo ele! Eu, dando pitti? NUNCA! Passo a maior parte do meu tempo com o Rudson! Ele não faz nada o dia todo como eu, então! Vamos na farmácia, no supermercado, na lotérica, na esquina, no portão... tamô aê pro que precisar! E a cada dia que passa é mais força na amizade... espero que não vejam com outros olhos... Porque a gente tá fazendo o que pode pra mostrar que entre a gente não há mais nada além dessa amizade.
E o meu namoro. Ai meu namoro! Meu Deus o que eu vou fazer com o sr. Pedro Victor?! Esse menino vai me dar trabalho! Ah se vai... mas tá tão gostoso estar com ele =). Verdade mesmo! Tô me encantando com palavras, músicas, conversas e loucuras :X . E ele vai me conquistando com o jeito de quem não espera nada. Que sabe o que fala, como fala, quando fala, onde toca, quando olha, quando liga, como brinca... como me quer... Vai ver foi todo o tempo que eu fiquei sem todo esse carinho... Agora o fato dele não ligar pra avisar que não vem me faz chorar na frente do Pc de saudade. Aff!
Minha tia tá pra chegar de Campinas amanhã!! E que Deus perdoe meu interesse absurdo no que ela tá trazendo pra mim... mas fazer o que se ela passou a acostumar a gente assim? Não liga, não dá sinal e nem pergunta como tá a vida aqui. Quando vem, sempre traz alguma coisa... e esse alguma coisa é sempre tãããooo esperada... Oo
Abafa

Eu chorei! EU CHOREI PORQUE ELE DISSE QUE IA VIAJAR! Não tô acreditando. Juro que não tô..
Aff.. vô lá secar o rosto..
Que merda! Que que tá acontecendo comigo?!!!!

há!

"...tudo na vida é uma questão de sorte, genes e boa comunicação."
Tudo bem, vamos todos pensar sobre isso, Alê.

oi.

Puxa.. abandonei por aqui.. e nunca, NUNCA o BLOG vai acabar não, viu, sua coisinha? Não escuta a Tia Carol não, viu, Mundex? Ela é louca! Só porque dá uns pitízinhos antes de atravessar a ponte do Paraíba e dá meia-volta e diz "pra mim chega!" não quer dizer que paramos por aqui... Claro, pitís da Tia Carol e TPMs da Tia Amanda à parte, a vida anda um caos!!! Quero dizer, em sentidos práticos sim, em específicos não! Perdi a Courtney de novo (o meu aparelho ortodôntico roxo com estrelinhas no acrílico) e dessa vez não faço idéia de onde eu deixei. Seria o 2° perdido.. e o pior é que dessa vez eu acho que é perdido mesmo! Acho que ele era uma vez no ônibus... Eu acho.
Ontem foi aniversário DELE... E anteontem ELA foi lá.. é, ela.. Deus sabe o quanto fui forte ao ver aqueles dois se abraçando e ela chamando ele de "Coração"! Coração! Ah, francamente!.. Coração! Vá chamar o namorado dela de Coração! Aliás, ele é bem bonitão, viu, não é feio não, tem a maior pinta...
O caso é que o ódio me foi a ponto de transbordar.. bom, eu digo ódio, mas uma coisa totalmente consciente me diz que é ciúmes.. claro, eu ignoro essa coisa.
É ódio mesmo!
Sabe quando você quer simplesmente cavar um buraco no piso pra não ver aquilo? Foi como se a vida me jogasse na cara o círculo vicioso que ELE está criando e eu fazendo parte, consentindo, aceitando.
Gosto dela, gosto mesmo, mas odiei aquilo, odiei vê-la e ver que ainda existem sorrisinhos atravessados e assuntos a serem conversados entre eles. Foi ruim, foi péssimo aquilo... E muito embora eu tenha sustentado um sorrisinho meia-boca no rosto por tempo o suficiente pra ser simpática, o mundo inteiro veria que eu não estava exatamente feliz com aquilo...
Talvez ELE não tenha visto. Ele nunca vê muito além dos meus sorrisos mesmo.. Nunca consegue entender o que querem dizer de verdade.
Que droga.
Que droga! É ciúmes!
ELE vai embora um dia, e por favor, Mundex, não me deixe cair fundo demais se for muito em breve... Por favor.
uy! Que vida! A minha mãe, como sempre, arasando a minha vida por aqui... Cochichando com o JR., fazendo sei lá eu que tipos de comentários... eu já me acostumei, acredite. ELA tá no MSN, com o nick "Prova da EEAR chegando se Deus quiser é nóis lá...". Meu Deus, eu acho que não sou mais do bem... Nem te conto o tipo de sentimentos horríveis que tenho em relação à ela agora.. Mas por favor não pense que é definitivo. É só nesse minuto. E passará.
O meu ciúme me impede de sair daqui porque simplesmente pretendo não deixá-lo sozinho com ela. E ELE nem sequer tá ONline!
Ai, Amanda, acorda!
Mas é que.. ai, mas é que nada!Tou bem! Estamos bem!
Pensemos em coelhinhos!
Tudo bem!
Acho que vou ler... não, não, nã.
Vou ficar por aqui, vendo a vida passar com tão pouca graça, tão poucas cores.
Alessandra! É claro, vou ver o amarula que nem é mais amarula.

BjO.
Volto se o tédio tomar conta!

sexta-feira, 4 de julho de 2008

O blog vai acabar?
É uma pergunta sim. É que ninguém posta... só queria saber...

É emocionante quando jogam na tua cara coisas que você não fez...
Mas eu sei que cada dia que eu fui naquela escola... foi pensando que teria um cabelo vermelho próximo ao meu no espelho...
Pena que ela não acredita.


Té mundex.. té!

terça-feira, 1 de julho de 2008

Despedidas

Não aprendi ainda a não olhar pra trás...
Não aprendi a não sentir as perdas...

Acho que não tô preparada pra mais despedidas...

domingo, 29 de junho de 2008

>>>

Tou aqui, sem coragem pra nada, nada, NAAAAAAAAADA!
Terminando o último trabalho da dependência que a Cris tá carregando... Deixei o mais fácil por último e louvo à Deus por isso.. Inglês.. baba.
Matemática primeiro, química depois... e agora só restou inglês.
Falta pouquíssimo e por isso me dou ao desfrute de estar aqui;
Acabou tudo.. Acabou sistema da ETE, acabou Ronaldo e enxeção de saco... Acabou. Agora é rezar... Ah! E tem a prova de HTML pra qual pretendo estudar hoje.. Portanto.. Tou voltando pra inglês, depois pra Htm... E tou pretendendo ficar por aqui forever... Até assimilar tag por tag daquela merda lá...
Passando só pra dizer que tá corrido mas que eu não esqueço desse pedaço do meu céu aquii;

BjO.

sexta-feira, 27 de junho de 2008

.. Enfim

.. Aprende a não deixar tudo pra ultima hora! Aprende!
Agora reza pra que pelo menos eu passe de módulo!
Eu nunca aprendo.

sábado, 21 de junho de 2008

A emoção dos meus 17.

Cá estou eu na frente do PC 10 horas da manhã simplismente porque provavelmente esqueceram de mim.
Era pra eu passar a parte da manhã com Bs e a da tarde com Kuarteto... humpf! A Danny parece ser incapaz de levantar antes das 10 no fim de semana e o Rudson incapaz de faltar uma aula na Ete. Siiiim! Acredite: ELE FOI PRA REPOSIÇÃO!!! Hoje!!! O único aniversário que eu imaginei que passaria com eles. O meu último aniversário em Lorena. De repente as aulas da Gleise são mais importantes que passar o dia comigo... não que eu deva ligar imagina! Não vou passar quase nada com eles, vou fazer nada³ a tarde, fui proibida de ficar em casa então estarei privada dos meus outros amigos (será que eles vão ligar?), tô com dor de cabeça,
Danny chegou..
fui

sexta-feira, 20 de junho de 2008

Explicações

Serei absurdamente breve pois não sei exatamente até onde minha cabeça me permitirá continuar de pé!
Seguinte mano! uhuh ... achei que fosse morrer esses dias. MESMO! Nunca senti uma dor tão absurda na minha vida! E nunca quis tanto acabar com algo como eu quis.
Tô melhor agora mas ainda não estou 100%. Espero que eu melhore até amnhã...
Então, resumindo: Descobri que tenho Sinusite ( é assim?); quase estourei o lado direito do meu cérebro com minhas próprias mãos de tanta dor; cheguei a 39° de febre e rezei pra não ter uma convulsão ou sei lá o que!;minha pressão chegou a 9 por 6; chorei horas seguidas de dor; rezei pedindo pra que Deus me ajudasse de alguma forma... eu estava aceitando qualquer coisa só pra parar de chorar.
Tô vivendo a base de antibiótico mas tô bem acredite!
Amanda, não vou a festa porque estou TERMINANTEMENTE proibida de sair de casa nas próximas horas mas eu realmente espero que você pelo menos me ligue amanhã =) ... já são 17. Nem vi como o tempo passou...
Ai tá duendo de novo. Vou deitar antes que eu volte a chorar...
Bejo Mundex.
Assim que eu melhorar mesmo, volto pra postar descentemente ok.
Desculpa...

hum.

Olha, estamos ferradas.
Sinto profundamente que uy.. Não sinto nada. "Pensando positivamente".
Bom, Carol, caso você leia isso..
Estou preocupada com você porque já fazem dois dias que você não dá as caras.
A documentação tá caminhando. Paulety, Daiê e eu fazendo o possível pra deixar mais ou menos no esquema o negócio. Teve prova do Emerson e foi ridícula. Claro, com breves dicas dos gêmeos não há nada que a minha tapadice (aliás, enorrrme) não seja capaz de pelo menos dar uma captadinha... Levando-se em conta que meus conhecimentos de delphi se limitam a .. ih, se limitam a nada!
Bom, Paulety e eu demos um jeito.
Amanhã é seu aniversáário! há! Arrasou.
Mas tou preocupadíssima porque você parece profundamente stressada com o sistema. Relaxe.. Temos ATÉ TERÇA-FEIRAA!

uy.
Tomara que você encontre ânimo pra ir na ETE hj.. porque hj é festa.
E ah! Rafael quer mesmo ficar comigo. Ah. A gente tá precisando conversar. Tou indo pra documentação.

BjO.

quarta-feira, 18 de junho de 2008

Fazendo o sistema

Esse sistema chato que não me deixa ser feliz em paz!
É que nada me tira do rosto esse sorriso bobo de quem ouviu o que queria =P
Queria poder dizer tudo o que eu venho pensando mas acredito que pareceria tolo. Ai que horror! Tá tudo tão bom que não sei se conseguiria explicar...

Voltando pro Sistema ¬¬

segunda-feira, 16 de junho de 2008

AvisO

Tenho outras coisas a postar mas no momento o que realmente importa é:
Amanda caso você veja isso, leva amanhã na aula o mp4! Tô realmente necessitada ok.
Ahhh e o MP3 também, se for possível!
Comece a cortar os pulsos, estamos em semana de prova na ETE.
E Sofra: Temos prova PRÁTICA de Delphi.

Obrigada pela atenção
Caroline agradece.
TanananananãNananãNanananã...

domingo, 15 de junho de 2008

.. After nothing: NOTHING!

Tá, eu não agüentei. Acabei de voltar da igreja (ó!) e vim pra cá.. Adivinha quem veio me enxer as paciências? O TAL ALEX!!! É, não agüentei, mano! Que vida. Fui putíssima da vida falar com o cidadão... Aquele papinho clichê, neaH, já viu..
-oitudobemcomovaiondevocêmoraquemúsicagostadeouvirtemnamorado?
É, sempre ruma pra esses lados..
E eu odeio contar que não tenho gosto musical definido e nem MUITO MENOS um namorado...
Desgraceira, viu..
baH!
Até que ele não é de todo mal... Fora a foto style Highlander e os erros ortográficos grosseiros, ele é até legalzinho. E tem 36 anos!!!
:O
Choquei agora.
Deus... Que absurdo!
uy, respira.
Papis tá aqui.. Brigou com a mamis e veio dormir no quarto do Jr...
Aliás, a megera tá tããão calminha, gente! Tou até com medo!
Eu prefiro ela gritando comigo, fazendo rabugices, maldades, invencionices, intriguinhas de criança do que ela quieta... XEhh;
Não quero nem pensar.
Caracas, o coleguinha aqui é bom nas artes gráficas, 3D, esse papo todo..
Sei lá, acho que tenho que aprender a não rotular as pessoas.
Tipo o caso das Priscilas lá... É um mal horrível. Tenho que parar. Está na minha lista! Vem logo depois de parar de roer unhas...
É, eu chego lá! há!
uy! Pai roncando.... Que vidaaaaAAAA!
Eu mereço!
E nesse FDS quase nenhum email dele.. Quase nenhum? NENHUM! No sábado, um, eu acho... mas curtíssimo.. Que droga.
Também! Depois do escândalo gratuito que eu armei com ele... com o caso das 500 namoradas, não é pra menos.. Que boxxxxta.
Ótimo! Tudo o que eu estava precisando agora: O tal Alex me dando aulas sobre Alan kardec e Chico Xavier!!!
Alguém faz favor de dizer pra ele que eu li a biografia do Chico???
Pliiis.

"Alex diz:
euripides
Alex diz:
ele hera medico "


hera? H-E-R-A? Morri.. x.X
Tou parando por aqui!
ênfase nos 36 anos...

A gente somos mesmo INÚTIL!
Tou indo dormir..
bJo.

É a vida.

"É a vida"... Mas que nome de post mais cretino, não???
Que vida.. Que vida mesmo... Tem um cara chamado 'Alex' no meu msn que simplesmente não consegue entender que quando a gente ignora alguém durante quase 17 minutos, significa que não desejamos papo... Geeeeente que cara insistente!!! Tá me mandando um Wink de coração a intervalos regulares de 5 minutos e me chamando de "anjinho".. Caracas! Eu nem sequer conheço a figura. Não, fora que a foto dele tá desesperadora, parece mais um Highlander enfurecido, algo assim.
Tou com medo.
A Kah vira e mexe me abandona no messenger... Tou depressiva também, á!
E o cara insiste em me fazer dizer um 'oi'.. ah não, eu não sou fácil assim... Talvez eu espere completar 20 minutos de chateação.. ¬¬'
Eu tenho tempo mesmo...
Tou com um sono do cacete... ops, caramba!*
Meu pai quer que eu vá na igreja de crente dele... uiuiui.. E eu tou tão sem coragem;
Mas ele fez uma carinha tipo "Oh, céus! Eu me sinto tão abandonado pela minha primogênitaa!" que mal tive coragem de dizer que não. Vou né, fazer o que...
É, são paradoxos mesmo... Semana passada na missa, nessa semana na igreja de crente...
Francamente, assim não dá.
uy!
A megera chegou.. Força, empatia...

Kurt, esteja comigo..

bJO.

Forças pra continuar...

Calma que eu tô me acabando de rir aqui!
Sabe... são essas pequenas coisas que me fazem acreditar que vale a pena arriscar a vida em uma praça cheia de corinthianos e torcer pelo outro time. Porque não há nada mais divertido do que um jogo do Timão =D.
Brigada Manda...

Pai e filho conversando sobre o Corinthians;

Porque se o Corinthians perde, nóis fica feliz...
Muuuuuito ³ feliz!
Libertadores, hein? Nem nunca viu! há!

FILHO: Pai, por que o senhor sempre fala que eu tenho que ser Corintiano?

PAI: Porque o Corinthians é o melhor time do mundo filho. É o Timão!

FILHO: Mas o Corinthians não foi rebaixado para a segunda divisão? E o apelido Timão não é porque no símbolo do Corinthians tem um timão de navio?

PAI: Bem, é verdade. Mas nós só fomos rebaixados por causa de uma parceria com um fundo de investimentos chamado MSI que desgraçou o Corinthians.

FILHO: Mas não foi essa MSI que comprou o Tevez, o STJD e o Márcio Rezende de Freitas para garantir o título nacional de 2005 que na verdade foi conquistado pelo Internacional?

PAI: Foi, mas depois... AH, isso não importa filho. Nós somos a maior torcida de São Paulo e a segunda maior do Brasil.

FILHO: Isso é legal né pai!? Mas a Índia e a China são os países mais populosos do mundo e nunca ganharam uma Copa e a Itália, que é um país pequeno e com menos torcida, já tem quatro mundiais não é!?

PAI: É filho, tá certo porra!!!

FILHO: Calma pai, o senhor está bravo só porque o Corinthians não é nada disso que o senhor pensava?

PAI: Pára com isso filho! Nós já fomos campeões mundiais!!!

FILHO: Sério Pai!? Quando?

PAI: Em 2000.

FILHO: Que legal, então nós também ganhamos a Libertadores em 99?

PAI: Não, na verdade quem ganhou a Libertadores em 99 foi o Palmeiras. Você não sabe que nós NUNCA ganhamos uma Libertadores em mais de 90 anos de história!?

FILHO: Ué, então porque o Corinthians jogou esse mundial em 2000?

PAI: Ah! É que fomos convidados para jogar porque ganhamos o Brasileirão em 98 e tínhamos o apoio de um grupo de investidores estrangeiros que precisava colocar o Corinthians lá. O Vasco ganhou a Libertadores de 98 e também foi chamado.

FILHO: Entendi. Então na Europa chamaram o campeão da Liga dos Campeões da UEFA de 98?

PAI: Sim, mas também chamaram o Manchester, que venceu a Liga em 99.

FILHO: Então por que não chamaram o Palmeiras? Porque o campeão Sul-americano de 99 não foi e o Corinthians que nunca passou de uma semi de Libertadores foi?

PAI: Não sei filho, mas que merda!!!!

FILHO: Então esse torneio não foi sério. Não teve critério para as escolhas dos clubes! Mas o Corinthians ganhou do Manchester e do Real Madrid né pai?

PAI: Não. Na verdade ganhamos do perigoso Raja Casablanca com um gol roubado em que a bola não entrou, empatamos com o Real Madrid, no Morumbi, graças ao Anelka que perdeu um pênalti e depois "goleamos" o poderoso Al Nasser por dois a zero.

FILHO: E na final ganhamos de quem?

PAI: Na verdade não ganhamos. Empatamos com o Vasco por zero a zero no Maracanã e o "título" veio nos pênaltis.

FILHO: Quem foi o herói Corintiano que fez o gol do título?

PAI: Ninguém. Na verdade o Edmundo chutou pra fora e nós ganhamos.

FILHO: Mas esse ano comemoramos 30 anos do título de 77. Que campeonato foi esse tão importante?

PAI: Foi o Campeonato Paulista. Saímos de uma fila de 22 anos sem título com gol de Basílio contra a "fantástica Ponte Preta".

FILHO: Ah, sei. Mas não foi nesse jogo que o Rui Rei, artilheiro da Ponte, se vendeu e foi expulso logo no começo do jogo só pra não fazer gols e assim ajudar o Corinthians?

PAI: Foi seu filho da puta, mas e daí!?

FILHO: Mas pai. Esse ano o São Paulo completou 30 anos do primeiro título Brasileiro que conquistou e ao invés de festa e camiseta comemorativa, ganhou mais um e agora eles são Penta.

PAI: Foda-se filho! Eles são Bambis!!!!

FILHO: São Pai? Mas eles me dizem que são Penta Brasileiro, Tri da Libertadores e Tri Mundial. É verdade?

PAI: É verdade filho! (de cabeça baixa)

FILHO: É verdade também que se não fosse um tal de Grafite, atacante do São Paulo, nós teríamos sido rebaixados também no Paulistão?

PAI: Você não quer falar de Fórmula 1!?

FILHO: Tá bom pai. Mas o Rubinho não é Corintiano?

PAI: Puta que pariu moleque! É, caralho!

FILHO: Vixe pai!!! O Rubinho é corintiano e o melhor piloto Brasileiro da atualidade, o Felipe Massa, é são paulino. Vamos falar de futebol mesmo vai.

PAI: Calma lá!!! Mas o Senna era corintiano filhão!!

FILHO: Eu sei pai. Já me falaram isso. E me contaram que como corintiano ele não agüentou. Em 93 viu o São Paulo conquistar o Bi Mundial e o Palmeiras sair da fila em cima do Corinthians, aí percebeu que não adiantava torcer pra esse time e enfiou o carro no muro.

PAI: (APENAS SUSPIRA)

FILHO: Calma paizinho. Vamos passear, me leva no estádio do Corinthians.

PAI: (chorando) Não temos estádio porra! Temos uma chácara que apelidamos de fazendinha e que é menor do que qualquer ginásio da NBA.

FILHO: (puto da vida) Chega pai! Assim não dá. Não temos estádio, não temos time, nosso título mais comemorado é um paulistão roubado, o nosso quarto título brasileiro foi mais roubado ainda, somos o único clube grande (GRANDE????) da capital paulista que não tem Libertadores, a nossa torcida é a segunda do país e de nada adiantou, torcida do São Caetano é mil vezes menor e já viu o time numa final de Libertadores, nosso título mundial é uma fraude, o maior ídolo da nossa torcida no século XXI é argentino e nós estamos na segunda divisão, e você ainda quer que eu seja Corintiano. Você é um fanfarrão, pai!!!!!

PAI: (um minuto de silêncio)

FILHO: Posso fazer só mais uma pergunta pai?

PAI: Pode filho!!! (enquanto seca as lágrimas)

FILHO: Pra que time torce aquele filho da puta do presidente Lula?

PAI: Corinthians meu Deus!!!!! Corinthians!!!!

FILHO: Mãe pode ficar tranquila, se o pai sabe de tudo isso e ainda torce pro Corinthians é porque ele gosta de ser enganado e nem desconfia que eu sou filho do vizinho.

sábado, 14 de junho de 2008

Tentando entender;

Viciada em pontos e vírgulas >>>>> ;;;;;;
Aqui estou eu.. tentando entender o enorme pití. ou PiTTy que eu dei com ELE.. Deus, santa insegurança!
Tou querendo me matar.
Sugestões?

Cianureto? Pular do predião?
Dói! ;x


Vou dormir..
Fiz um rolo ótimo com o meu msn aqui, adorei*


bJo.

sexta-feira, 13 de junho de 2008

Motivação!

Pai: Eu sei o que você tá fazendo... tá certa... nada como um amor pra curar outro amor
Carol: Humpf!
Pai: Você engana quem você quiser mas eu sei que é do outro lá que você gosta... Essas coisas não passam...
Carol: Oo

quinta-feira, 12 de junho de 2008

Dia dos namorados..?

Eu deveria ter escrito na hora que eu cheguei! Meu coração ainda não havia voltado pro meu peito e eu tremia tanto que provavelmente sairia tudo errado mas a sensação era tão forte ainda que tudo sairia três vezes mais surreal do que realmente é!
São 21:27 (não precisaria falar se o Blogger tivesse com a hora certa!), eu tô aqui ouvindo músicas melosas e sonhando acordada, tentando lembrar cada detalhe de tudo o que aconteceu, foi tudo tão surpreendente que não lembro de muita coisa não!
Direto ao ponto?
Eu estou Namorando!
(os gritinhos histéricos já acabaram? huhu)

Totalmente fora de cogitação eu falar coisa com coisa! Acredite: Eu ainda tremo um pouco!
Seguinte cara: Pedro não foi na aula hoje! ELe ia no médico (mentiroso), então fui eu feliz e contente pra aula sem ele mesmo né! Acordei atrasada e mal chego a tempo de entrar! É claro que minha queridas amigas estavam tão nervosas que foram capazes de ficar conversando com a tia que fecha o portão pra dar tempo!
Fui obrigada a aturar Amanda Moreno me enchendo o saco o dia todo porque estava com medo de que o namorado dela aparecesse na escola e fizesse uma surpresa pra ela! Poupe-me! Sofri profundamente ao tentar acalmá-la (sem sucesso) acabei nervosa eu também, bem menos é claro! Tá que eu esperava alguma coisa mas o dia foi passando, as aulas estavam chatíssimas, tirando o fato de que eu fui disputada hoje, nada de mais na escola! Então... fui eu perdendo a esperança de que teria alguma coisa pra mim.
Na hora da saída, saí com elas como de costume mas a sala toda saiu na minha frente, bando de apressados! Fui praticamente a última a sair da sala segurando a mão da Moreno, é claro, que tremia feito vara-verde! Eu estava tranquilíssima! Imagina que algo me abala! HUdhuasuhd
Eis que saio eu no portão e dou de cara com metade da escola olhando pra mim e ele ali... com um buquê numa mão e uma caixinha vermelha na outra (não gente, não era caixinha de aliança não!). Eu parei! Parei simplismente! Travei! Meu Deus o que a gente faz quando aparece alguém com rosas pra você NA PORTA DA ESCOLA? Também não sei! Sei que eu tremia vinte vezes mais que a Moreno, não pronunciava uma santa palavra, e rezava pra não desabar ali mesmo! Claro que eu derramei breves lágrimas mas as coisas estavam tão rápidas e tanta gente falava ao mesmo tempo e eu estava tão, tão, TÃO nervosa que mal sabia quem eu era! Sei que foi tudo lindo lindo, ele me pediu em namoro e eu disse que não.
Mentira, magina que eu ia falar não diante daquela cena apaixonante! Disse que sim com o sorriso mais sincero do mundo! E os olhos mais expressivos que eu consegui no momento! Queria passar pra ele, de verdade, tudo o que eu estava sentindo, o quanto meu coração estava feliz... Porque eu realmente estava! Mal cabia em mim de tanta felicidade! Eu só via ele... O mundo desapareceu na hora! Lembro de um sorriso do Rudson... mas do resto acho que me esqueci de lembrar...
Ele me levou em casa (que munitinho).. eee acabou!
A primeira parte é claro.
Aí começa o rolo na minha casa! Eu estava eufórica, que que meu pai queria que eu falasse pra ele? Só disse que estava namorando. Minha mãe já sabia de tudo então nem sofri muito não! Ahh contei com detalhes tudo o que aconteceu e tudo mais. Depois de ler "Longe de Você" e "Eu juro", e chorar depressivamente sei lá eu porque, dormi com as flores na água no meu quarto... dormi e sonhei com tudo isso, acordei buscando algo que me dissesse que era real... O perfume me disse isso.
É eu ainda estou toooda boba com tudo isso, e ainda tô me sentindo a menina mais feliz do mundo por ter encontrado alguém que me queira... Não quero pensar em como vai ser, ou quanto vai durar, ou quem quer ou não! Só preciso viver isso o máximo que eu puder.. acho que depois de tanto tempo, mereço algo pra mim... Um pouquinho de vida normal.
E o meu Namorado que vai treinar o fim de semana inteiro ¬¬ ... ele é alguém que mudou completamente a minha vida; alguém que me faz um bem sem igual; alguém que me conquistou de um jeito tão meigo que ficou quase impossível não me encantar...
Ahhh gente Feliz dia dos Namorados!!!
"Que seja eterno enquanto dure" ;)


















Agora abre um parêntese aqui por favor (Nada nem ninguém nesse mundo vai ser capaz de tirar de mim tudo o que a gente foi um pro outro. I will ALWAYS be there for you).
Obrigada.

quarta-feira, 11 de junho de 2008

Conversas...

Amanda - ...


Carol - .. ahh muié (continuando o ki vc havia escrito...).. sei lah sei lah.. acho que tô gostando disso tudo sabe! .. dessa atenção.. desse carinho .. de tudo o que eu não tive com ele.. e ele não me cobra um "Eu te amo" .. ele soh me ker do lado dele .. e talz e talz.... sei lá .. é tão bom ter em quem pensar Manda.. e saber que em algum momento ..ele tbm vai estar pensando em mim.

Amanda - Aquele lance do ter com ele coisa nova.. Mas hum, Afonso não te dava essa atenção tbm(?).. bom, sei que pessoas novas, coisas novas.. novo, novo... é a vida. Eu só quero, Kah, que vc esteja consciente dessa coisa toda.. pra que se surgir um "quer namorar comigo?".. vc não pire (totalmente).. sei lá, sei lá.. ainda é meio difícil pra mim vver vc sem pesti e vice-versa.. acho que ele tá sofrendo calado (profundíssimo).

Carol - . Hum. Afonso me deu sim, mas não do jeito que ele faz.. E eu não estava aberta a coisas novas ( não leve pro outro lado) huuh.. É.. eu tô permitindo que ele me conquiste. Com uns brigadeiros aqui.. uns eu te adoro's dali,.. coisas tão pequenas.. com tão poucas cobranças.. Frisa isso de "Tão poucas cobranças" ... Não digo que eu não estou esperando um pedido, pq eu , de fato, estou mas mesmo assim... não consigo ver nada muito "Eterno" sabe? É só um namoro.. ele só que me passar o que tá sentindo.. (palavras dele ¬¬)Qto ao sofrer calado.. os dois estão. Se ele realmente está. É que tem horas que realmente SÓ O TEMPO CURA. E eu tô esperando o tempo curar e me ajudar e depois no final... No final você me sorri.. me estende a mão e diz que tudo vai ficar bem...só isso..


Amanda - ó, céus.. é uma criança¬¬safadinha mas uma criança!Mããããããs então... Não sei se vc está entendendo o que eu tou realmente querendo dizer.. o caso é que.. hum.. Deus! É o último ano.. sabe como é... e bom, vc não sabe pra onde vc vai... E o caso é que.. uy. O caso é que não acho que o que vc sinta pelo RuH e o que ele sente por vc (é!) vá passar assim com um Bart surgido do nada... Mas não quero que vc fique pensando que eu não estou apostando nisso. Acredite: eu tou tentando MESMO. Tentando ver que todo esse carinho vassalo do Bart e todas as palavras que vc quer ouvir ditas de uma vez só farão vc esquecer uma coisa que já era (por bem) pra ter acabado... Mas não dá não, I'm sorry. Eu não sei.. Ainda consigo ver vc desabando um poukinho por aquele menino de auto-estima elevadíssima, cabelo nem tão bom, piercing na sobrancelha... ("e um sorriso extremamente encantador" - vc). é! Só não substitua (ou tente) ninguém;Tou aqui, sempre e sempre e sempre e sempre e sempre... qtas vezes vc disser que eu deva... e tudo SIM vai ficar bem.. com vc, com o Rudson e com o Bartolomeu (hauhauahauhauahau)... "tudo não é nada se o mundo girar"...

Carol - Uma criança.. adoro ouvir isso caaaraaa.. a sombra dos meus 17 tá começando a me afetar!Ultimo ano. Ultima chance de viver TUDO e mais um pouco com o Rudson.. já sei, já sei! Mas.. e o que eu tenho direito? E o que eu poderia ter sentido nesses 5 anos e ele não me permitiu? Eu realmente queria ser do tipo "me apx facil" .. mas não sou não. E acredito que se eu fosse.. sentiria falta de algo fixo... hum hum.Não disse que o Ruh vai passah. O Bart não vai tirar de mim o que eu construí durante tanto tempo... Nem todas as palavras e carinhos do mundo me farão esquecer o jeito que ele me olha.. e o sorriso que ele abre quando me ve... Pq são únicos.. E pq me faz muito bem mesmo! Não desabo. Mentira.Desabo sim.. mas bem menos. Agora tem aquela de "eu faço, ele tbm faz.." .. embora eu não keira...Ihh acabô a aula.. depois a gente continua.. Bejo teh mais ahusdhusad

... Claaaro que as conversas do módulo passado renderiam muito mais mas...
É...


Bejo.
(fiquei com medo dela agora)

Aulas na ETE...

"Talvez seja da natureza humana acelerar tudo o que tá ficando bom..."
By Kah
Isso é o que a gente pensa na escola ... tsc tsc tsc
Meu Deus QUE MÓDULO!!!

uy;

Aaa..
então.. aqui só porque tou com saudade do mundex.
Só pra dizer que embora nem tudo esteja saindo como o planejado, tem seeempre um plano B pra me salvar..
E mesmo que olhem torto e vejam pêlos em ovos (moomy), tudo, tudo mesmo MESMO tem valhido a pena de uma forma que não dá pra explicar;
Todo mundo merece ser feliz.
Todo mundo.
E só tiram essa felicidade de você, se você deixar.
11:00!
God! Banho - busão!

kisses;

domingo, 8 de junho de 2008

Nojo.

Nojo de mim, nojo da futilidade, de toda a falsidade impregnada nessas paredes e nesse orkut azul. Nojo. Agora diz pra mim, porque eu fui me meter de fazer outra dessas páginas azuis nojentas, enjoativas, ridículas e mentirosas?
Acho que no fundo sou um tanto masoquista mesmo. E paranóica também... Eu disse paranóica? Não! Doidona mesmo, ao ponto de internar. Minha cabeça tá a mil.. Acabo de descobrir no nojentíssimo orkut que ou hoje é aniversário dela ou do namorado... Bom, eu sei que o dela é junho ou julho, das duas uma.. E estamos em junho... Ele some, ela me trata indiferentemente... Ok, tem caroço nesse angú!
Por favor, Deus, não me permita pirar..
Uy!
Ok. Contemos até 10.
1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10...
Não tá funcionando não..
Ok, próxima técnica de relaxamento.... "PENSE EM COELHINHOS!", diria o Habner...
Bom, por quê não... Vá lá. Coelhinhos fofinhos, com seus filhotinhos peludinhos, trazendo ovinhos da páscoa pras criancinhas...
Não, não tá ajudando. Muito INHO me faz vomitar.
Grrrrrrrrrrrr
Que ódio!
Estou mentalmente enforcando coelho por coelho!

Vou dormir!

Vanguardista..¬¬

Então,
"if you don't know me by now, you will never, never, never know me.."
Vanguardista como sempre... obsoleta ainda por cima.
(6) yeah!
Fazer o quê..
Coisas e posts que fazem a gente pensar... Caroline, The confusion in person, arrebatada, finalmente, por alguém que parece valer a pena.. Ou pelo menos é o que tá parecendo. Vezes acredito que sim, vezes que não. Linguagem corporal, olhares perdidos nas direções mais improváveis, tem sempre uma coisa que discorda. Não sei. O que eu sei é que eu tou realmente torcendo. Acredite.
Tou aqui pra contar que fui na missa :O
Acordei 7:00 da madruga pra domar o hair e parti pro karma... Mais por uma questão de "eu posso, eu consigo" do que por qualquer outra razão que possa haver.. E sabem, o repeteco me cansa, me consome, mas eu sei que preciso estar lá. No sábado passado estava eu lá na Nossa senhora sei-lá-das-quantas vendo a Marcela coroar a Nossa senhora... Parecia um anjinho.. Tio Dimi rindo, rindo... feliz, eu acho, de ter uma filha (pelo menos uma) que ainda fosse pura e inocente. hauahuahaua
Sorry, Kah, não resisti ao comentário. O caso é que estarei lá, quanto mais me sentir remida (ou será redimida, redmida? Céus! Eu não sei escrever isso!) dos meus pecados cabeludos.
Minha mãe quase morreu de infarte fulminante quando informei onde eu ia... tudo bem, é compreensível.
Incredibilidade materna à parte, ainda consigo me desvencilhar das deliciosas perdições mundanas sem grandes transtornos, é um alívio pra mim.
Tou com fome, ainda não moveram uma palha nessa casa na direção do almoço! E são o que.. 11:57 já!
Sei lá, sei lá...
Tenho que terminar de copiar matemática e tou lutando contra isso... Ainda não sei se tem qualquer coisa pra entregar amanhã... Tou sem canetas.. e estojo, sendo bem franca... Sinto profundamente que ficou com a Mirely, a garota do "que droga!"... Paula promete recuperá-lo.
Tou indo dar um jeito na vida, me limpar desse humor altamente contestável que me acomete hoje em especial, ver se a matemática consegue me deixar em depressão, ou senão, minha mãe certamente está conseguindo..!
Grrrrrr!

BjO.

sábado, 7 de junho de 2008

Eu juro que eu tô tentando! Juro mesmo! Mas eu não sei porque ainda me confunde! Mas confunde... e ... e...
QUÊ MERDA É EU QUERER FALAR E SIMPLISMENTE NÃO CONSEGUIR!! Ou saber que certas coisas é melhor a gente guardar pra si...

Calma... é só esperar que passa...

Pontos finais.

É, I'm here.
Daiê e Carol acabaram de sair daqui.. Sinto que Carol continua putíssima comigo.
Foram as duas lá ver o Bart jogar... Tou sem coragem nenhuma.
Tou aqui vagando pelo meu orkut recém criado, pensando em como pessoas são fúteis (e não pense que eu não estou me incluindo nisso).
Meu pai tá no quintal, às voltas com a churrasqueira dele... Acho que se alguém ousasse falar mal do revestimento e acabamento amador que ele investiu ali, levaria um soco. Tudo bem, eu viveria sem isso.
Minha mãe saiu com a Quel pra comprar cobertor na fábrica por um preço mais em conta. Júnior ainda não chegou do serviço... E eu, a mais vagal de todos, aqui, aqui... again and again and again and again...
Tenho mil coisas pra fazer hoje... MIL! Mas a autoconfiança de que posso dar cabo disso amanhã não me permite começar a fazer nada agora.
Tou de pen nova.. MP4, na verdade... Ganhei.. É, simplesmente.
Fiquei chocada e envergonhada, mãããs.. ¬¬
Tou aqui baxando umas músicas não-depressivas e vendo se a sorte muda.
Bom, com ELE tudo bem.. Estamos bem. Não estávamos, mas estamos. Faz tempo que eu não passo por aqui, aí eu esqueço de comentar. Ontem eu disse que estava perdida... e ele disse que acharia.
Frases que me derretem... parece até que ele sabe.
Acho que desses tempos pra cá estamos mais ligados, mais, mais.. sei lá. Pode ser só impressão.
Mas inevitavelmente estou me apoiando nisso... de um jeito que faria a Carol dizer "Cuidaaaaado..". Mas é de verdade inevitável. Pessoas não são perfeitas, mas deixar de confiar nelas por medo, continua não significando coisa alguma. Eu tou bem nesse sentido. Tou me sentindo definitivamente feliz. A partir do momento que estiver me fazendo mal, ou eu sentir que não está fazendo bem pra ele.. aí sim não terá mais sentido.
E eu tou SÓ com ele, por incrível que pareça. Espero que ele esteja só comigo também.. ¬¬
Mas não apostaria todas as minhas fichas nisso.
Acho que se fosse há 1 mês atrás tinha ficado com o Fael siim. Quinta, na festa, ele veio falar comigo, disse que tava afim e talz.. ¬¬ Mas ia ser horrível fazer isso.
Disse o não mais sofrido do mundo, mas ainda assim, me senti bem.
E depois de todos os "nãos" que eu venho dando no Stênio esses últimos 3 meses, ia ser uó ficar com o Rafael. Me poupe.
Tou indo comer, ver TV.. copiar matemática.
Esse tédio tá me matando.
Queria te contar a história do Marvin.. hauahuahauahua
Mas é obscena demais.

BjO.

sexta-feira, 6 de junho de 2008

Hum.

Tá estranho.
Sei lá o que tá acontecendo.
Fazia tempo que eu não me sentia assim...

terça-feira, 3 de junho de 2008

Aula do Ronaldo

É loucura estar aqui eu sei! Mass ahh!! Aulas de meia hora só! Piada!
Ele tá corrigindo prova e eu tô pensando ...
Pensando que acho que me conquistaram...

Preocupada com a Amanda e com o mundo...
Mas feliz de alguma forma
=)

(medo da minha nota!)

segunda-feira, 2 de junho de 2008

Conclusões...

Depois de muito tempo vivenciando coisas indesejáveis, a gente descobre que se não pode mudar porcaria nenhuma na vida, é melhor nem tentar. E eu descobri que eu posso. A resposta pra mim tem sido o otimismo e me cercar de pessoas que me fazem transbordar.
Passando só pra dizer que estou viva.

sábado, 31 de maio de 2008

Conversas em Espanhol...

No portão de casa:
-Yo solo soy..
-Confuso, complicado, extraño, dificil...
-Mi Dios.. soy timido.. solo eso..
-Timido naaaada! Tu eres la confusion que me confunde!
-Tu te confundes. No ves que dibujastes en mi?
-No! Yo se lo que pienso, lo que quiero e lo que soy! Tu kieres ke yo hable todo el tiempo.. pero no me pregunta nada!
-No consigo preguntar... solo hablame...
-Yo solo hablo.. y nunca escucho..

Não me pergunte porque o espanhol me deixa melhor e mais solta.. Mas ele deixa! Eu sei bem onde eu tô pisando e o que eu tô fazendo, mas é inevitável não imaginar que lá no fim de tudo, ele vai me sorrir e estender a mão e me guiar até onde a gente puder ir...
Não que eu não queira sair disso... mas me disseram hoje que eu só não vejo porque não sei ver ¬¬.
Acho que eu não quero ver nada agora.