quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Momento depre (desabafo)


To me sentindo de uma maneira que eu nunca havia me sentido antes.Pela primeira vez comecei a me incomodar com as gordurinhas sobrando do meu corpo, logo agora que estou fazendo por onde perde-las, indo a academia... Parece que as pessoas andam notando alguma mudança no meu corpo , só eu que não vejo? Esse incomodo me veio de uma maneira diferente, nao consigo me olhar no espelho e me gostar, só de lembrar o quanto estou GORDA me da vontade loca de chorar, tem horas que penso -"vou comer tudo que eu quiser, não vou mudar mesmo".  E como, como, como, e como eu como. Bate arrependimento e decido que não vou mais comer, fico 2 dias sem nada e bate fraqueza ai vejo que as coisas não são bem assim e volto a comer que nem gente, tento reeducar minhas alimentação, comer poucas quantidades nos horários certos, mas nunca consigo ir com esse propósito até o fim ... Não aguento mais esse sentimento, não aguento mais me olhar no espelho e me ver. Porque não consigo mudar?

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Que livro nacional você é?

Nunca fiz um teste que me descrevesse tão bem quanto este aí! Coincidência? Que seja, mas que falou tudo, isso falou.


Resultado



"Antologia poética", de Carlos Drummond de Andrade

"O primeiro amor passou
O segundo amor passou
O terceiro amor passou
Mas o coração continua"

Estes versos tocam você, pois você também observa a vida poeticamente. E não são só os sentimentos que te inspiram. Pequenas experiências do cotidiano – aquela moça que passa correndo com o buquê de flores, o vizinho que cantarola ao buscar o jornal na porta – emocionam você. Seu olhar é doce, mas também perspicaz.


"Antologia poética" (1962), de Drummond, um dos nossos grandes poetas, também reúne essas qualidades. Seus poemas são singelos e sagazes ao mesmo tempo, provando que não é preciso ser duro para entender as sutilezas do cotidiano.


Quer ver se o seu também se encaixa no seu perfil?
Segue o link: http://educarparacrescer.abril.com.br/leitura/testes/livro-nacional.shtml

segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Feelings

Maldita saudade. Maldita agonia no peito. Maldita vontade de viver de novo!
Maldita dor que não sei controlar e que eu imploro pra passar.

Chegando no período frágil.
Estágio dois.

quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Procura-se:


"Alguem que não me prenda, não me limite, não me mude. Alguém que me roube um beijo no meio de uma briga e me tire a razão sem que isso me ameaçe. Que me dissesse que eu canto mal e que eu falo demais e que risse das vezes em que eu fosse desastrada.”


via: Românticos Por Natureza

sábado, 27 de agosto de 2011

Falta de orações e pedidos?
Castigo ou pagamento?
... nao houve o milagre
e o nosso anjinho já se foi morar com Ele.

coraçãopartido.

segunda-feira, 22 de agosto de 2011

Malas prontas!

E eu fico anos e anos sem passar por aqui e quando passo é pra falar que estou de partida. Arrumando as malas e botando o pé na estrada mais uma vez. É, eu já nem sei mais quantos quilômetros eu tenho rodados! Já são algumas cidades, um tanto bom de casas, escolas, amigos e amores.
É estranho dizer que estou indo de novo, eu achei que ia conseguir ficar... doce ilusão. Tomar decisões com o coração sempre traz prejuízos.
Tô voltando pro que eu "chamo de casa" com o coração mais duro, os olhos mais secos, os lábios frios e com a mente focada. Não me permito acreditar, sonhar, pulsar ou amar. Estou fechada pra balanço e nao tenho previsões para retorno, engraçado o que uma mentira é capaz de fazer. Claro que eu nao culpo ninguém, sou a favor do "quem procura acha", e maior de idade, vacinada e dona das minhas decisões, mas que mentiras destroem muito mais que confiança.. ahhh isso destrói!
Vou sim morar lá, viver lá, crescer lá, traçar meu destino;
mas não tenho dúvidas de que meu coração vai continuar batendo aqui...

segunda-feira, 15 de agosto de 2011

HOJE É TEMPO DE SER FELIZ!

A vida é fruto da decisão de cada momento. Talvez seja por isso, que a idéia de plantio seja tão reveladora sobre a arte de viver.

Viver é plantar. É atitude de constante semeadura, de deixar cair na terra de nossa existencia as mais diversas formas de sementes.
Cada escolha, por menor que seja, é uma forma de semente que lançamos sobre o canteiro que somos. Um dia, tudo o que agora silenciosamente plantamos, ou deixamos plantar em nós,será plantação que poderá ser vista de longe...
Para cada dia, o seu empenho. A sabedoria bíblica nos confirma isso, quando nos diz que "debaixo do céu há um tempo para cada coisa!"
Hoje, neste tempo que é seu, o futuro está sendo plantado. As escolhas que você procura, os amigos que você cultiva, as leituras que você faz, os valores que você abraça, os amores que você ama, tudo será determinante para a colheita futura.
Felicidade talvez seja isso: alegria de recolher da terra que somos, frutos que sejam agradáveis aos olhos!
Infelicidade, talvez seja o contrário.
O que não podemos perder de vista é que a vida não é real fora do cultivo. Sempre é tempo de lançar sementes... Sempre é tempo de recolher frutos. Tudo ao mesmo tempo. Sementes de ontem, frutos de hoje, Sementes de hoje, frutos de amanhã!
Por isso, não perca de vista o que você anda escolhendo para deixar cair na sua terra. Cuidado com os semeadores que não lhe amam. Eles têm o poder de estragar o resultado de muitas coisas.
Cuidado com os semeadores que você não conhece. Há muita maldade escondida em sorrisos sedutores...
Cuidado com aqueles que deixam cair qualquer coisa sobre você, afinal, você merece muito mais que qualquer coisa.
Cuidado com os amores passageiros... eles costumam deixar marcas dolorosas que não passam...
Cuidado com os invasores do seu corpo... eles não costumam voltar para ajudar a consertar a desordem...
Cuidado com os olhares de quem não sabe lhe amar... eles costumam lhe fazer esquecer que você vale à pena...
Cuidado com as palavras mentirosas que esparramam por aí... elas costumam estragar o nosso referencial da verdade...
Cuidado com as vozes que insistem em lhe recordar os seus defeitos... elas costumam prejudicar a sua visão sobre si mesmo.
Não tenha medo de se olhar no espelho. É nessa cara safada que você tem, que Deus resolveu expressar mais uma vez, o amor que Ele tem pelo mundo.
Não desanime de você, ainda que a colheita de hoje não seja muito feliz.
Não coloque um ponto final nas suas esperanças. Ainda há muito o que fazer, ainda há muito o que plantar, e o que amar nessa vida.
Ao invés de ficar parado no que você fez de errado, olhe para frente, e veja o que ainda pode ser feito...
A vida ainda não terminou. E já dizia o poeta "que os sonhos não envelhecem..."
Vai em frente. Sorriso no rosto e firmeza nas decisões.
Deus resolveu reformar o mundo, e escolheu o seu coração para iniciar a reforma.
Isso prova que Ele ainda acredita em você. E se Ele ainda acredita, quem sou eu pra duvidar... (?)

Padre Fábio de Melo



quarta-feira, 6 de julho de 2011

Casa nova;

Eu deveria estar dormindo, mas não estou. Estou pensando e pensando e pensando. Assistindo pela segunda vez o mesmo filme, me imaginando com meusmeus naquela praia de Buzios... Cabo Frio também serve. To falando com quem meu msn me deixa falar, to querendo que tomem decisões por mim, to acreditanto que vai dar tudo certo, que nao vai ser do jeito que todo mundo premedita, que eu to com a cabeça certa, e que eu eu to correndo atras do que acho certo, mas nem eu mesma sei o que é certo. Quem tem mais de 40 diz que eu sou louca, quem tem 20 diz que é apenas a minha essencia.... E se minha essencia estiver errada, eu vou voltar pra quem me da abrigo e me deixa chorar em paz, mesmo jogando na cara " eu bem que avisei". Mas se tiver que ser, eu vou ser, vou procurar, vou me encontrar e passar o final de semana na praia. VOu mostrar o bumbum cheio de estrias, e rir com pessoas que eu gosto a minha volta. Se tiver que ser vai ser... e o mundo nao pode ser tão cruel ao ponto de não me deixar quebrar a cara e depois me dar masi tempo pra eu correr atras do prejuizo. Tanta gente faz isso...
Eu quero rir, e chorar, e amar, e ficar com meus amigos, e ter dinehiro, e ser estudada, e ter casa, e ter familia... e ser eu e eu e eu.
Quero ter o sorriso da minha mãe, e o cheiro dela, e o abraço dela.... mas que ele nao confunda meu nome...
Quero mesmo é ir pra cama dormir e não pensar em mais nada, acho mesmo é que a minha decisão ja estava tomada e eu to dando vlta e fazendo onda... deixa eu quebrar a cara pra ver se aprendo a ser gente....


Boa noite

quinta-feira, 30 de junho de 2011

Se chorei ou se sorri....

"Amigos eu deixei..

Saudades eu senti partindo..
E as vezes eu deixei
Voce me ver chorar sorrindo...(8)"



Estou indo embora mais uma vez. E novamente não tem nada de simples nas decisões que devo tomar. Cada mudança adiciona no meu curriculo mais uma dúzia de experiencias. Cada mudança me faz deixar partes de mim para tras. Pensar que dia 17 de janeiro de 2009 eu estava deixando Lorena olhando pelo retrovisor meus amigos ficando... o cara que eu queria ficando, minha familia ficando... Mal sabia eu, que estava deixando a melhor parte de mim.
Viver aqui definitivamente não foi fácil. Ser a "Paulsita", intrusa, sozinha, deslocada, dona de casa, mãe, namorada a distancia... confesso que nunca quis vir pra cá, mas não tive muitas opções. Não me arrependo, nem lamento. Conheci pessoas, fiz amigos, ouvi histórias, aprendi a sorrir mesmo acordando às 4:30 da manhã, a ouvir minha solidão e arrumar forças dentro de mim, me decepcionei e me levantei meio incerta da vida.
Cometi loucuras, conheci uns limites, e acreditei que as esquinas erradas me fariam mais normal. Não fizeram. E agora coloco de novo as lembranças na mala, os amigos no coração, e com o msn mais carregado de contatos eu vou embora novamente. Encontrar um caminho novo, uma experiencia nova, algo ou alguem que me aceite toda cheia de falhas e de "pedaços" faltando. Vou atras de brilho pros olhos mesmo morrendo de medo dos passos errados que eu vou dar, das lágrimas que eu vo derramar, das cicatrizes que eu vou somar. Medo de tomar a decisão incorreta e que isso me leve ao destino que um dia juraram que eu teria.
Ah, o Rio de Janeiro que não me mostrou seu lado lindo, e que quando quis, eu me recusei. o Rio que me diferenciou pelo meu sotaque mas que me acolheu no seu sol de todo mundo. Vou sentir falta dos S's e R's chiados rsrs, da simpatia, da alegria, dos churrascos de segunda a segunda. O que tiver que ficar, que fique.
Aos amigos da faculdade, da dança, da van, da rua, do bairro... aos cariocas eu deixo meu Muito Obrigada. Embora eu não seja desse chão, o tempo que permaneci aprendi, vivi, me fiz e cresci por fim.
Agora a menina presa dentro do corpo da mulher guarda na caixinha as fotos e os sorrisos, faz bico e chora, mesmo sabendo que isso nunca adiantou. Ela sempre fica bem... ela tem de ficar.

segunda-feira, 27 de junho de 2011

É, tem horas que eu realmente me sinto uma idiota!

Sabe quando finalmente cai a ficha de que você está sendo idiota? Estou num desses momentos. Quando parece que a ficha cai e a gente descobre o quão ingênua tem sido, imaginando que ele estava te tratando bem porque queria algo com você.


Não, desista, ele só queria sua ajuda pra passar de semestre! Agora que o trabalho acabou ele volta ao seu padrão, apenas cordial de ser, não mais carinhoso como vinha sendo.

Dói, mas quem disse que a verdade é fácil de se aceitar? Ele te liga e você estranha, pois faz tempo que ele não liga, mas relaxa, ele só quer as respostas daquele curso online que precisa ser entregue pra contar como reposição de aula.

Mas sabe o que é pior? Ele não precisava ter se dado ao trabalho de ser carinhoso (e acabar me iludindo), eu teria o ajudado de qualquer maneira! Não sou do tipo egoísta...

Chega, cansei de me iludir! E se eu passar a ser seca com ele, paciência! Sinceramente acho que é o que ele merece.



Se voce é ele, só mais um recadinho: Parabéns! Você conseguiu estragar meu dia (de novo)!

quinta-feira, 23 de junho de 2011

Férias!!

Boa noite povo lindo desse blog lindo de meu Deus!! estava com saudade de falar minhas bobeiras por aqui.
Mas o semestre foi corrido e agora sim posso dar uma relaxada e postar mais, embora me falte assunto...

To numa fase altamente carente com uma recaída pelo ex (isso deveria ser proibido ao coração), na verdade a recaída se resume a sentir falta dos beijos dele, mas deixemos essa parte de lado. To carente ao ponto de ver indireta em tudo e ficar deprimida vendo filme porque sempre tem um casal feliz no final. Acho que tá na hora de começar a receber curriculos para namorado/rolo!! Interessados favor entrar em contato.

Nossa relendo essa frase percebo o desespero #ON, que horror! Não estou tão desesperada assim, pelo menos não ainda! rs

Gente tenho que aprender a controlar minha sinceridade pra não me prejudicar. Ontem na hora da prova a professora diz que pra passar era necessário acertar TRÊS de QUATRO questões ai no momento de desepero não consegui frear a língua e soltei: "E pra tirar E (nota máxima) tem que acertar cinco das quatro" e a professora me olhou feio!! rs. Depois na outra aula o professor fala que um tal fulano não fez a prova e eu solto: "Fez sim, ele tava fedendo horrores a cigarro logo na minha frente." E o cara atrás de mim que por um acaso é fumante ficou super sem graça e essa não era minha intenção porque ele não fede a cigarro ainda e é uma gracinha!!

Hoje em compensação decidi fechar a boca e assim fiz, nenhum fora no dia!! Que orgulho de mim!

Fora isso só devo dizer que o semestre foi uma porcaria com um projeto interdisciplinar que me rendeu muita dor de cabeça, do tipo de ter que apaziguar briga de marmanjo, ficar cobrando os manés, um porre! Foi o semestre mais trash que eu tive na faculdade até o momento.

Chega de lamentações que hoje eu só passei pra matar as saudades!

Beijos e se cuidem
;D

segunda-feira, 6 de junho de 2011

É na desordem do meu quarto que busco ordem aos meus pensamentos. As vezes penso que ninguém me conheça tão bem quanto eu gostaria, talvez seja melhor assim porque na verdade eu mesma vivo me perguntando a mesma coisa. Tenho uma pequena definição: "Sou apenas uma garotinha boba com crise existencial fazendo drama por problemas fúteis." ou Será que tenho dado importância demais a coisas desnecessárias? Isso foi terrível, eu sei... As vezes vejo coisas que não existem, ou essa apenas sou eu me esforçando pra ser quem gostariam que eu fosse, me descaracterizando cada vez mais. E esse ciclo apaga da memória quem eu fui, quem eu sou e agora já não sei mas quem eu vou ser. Desejando um futuro melhor. 

sábado, 4 de junho de 2011

Limpeza

Doando livros e brinquedos
Jogando fora papéis e lembranças
Deixando os cadernos de lado na esperança de ler o passado e encontrar lá a menina que que brilhava
Na esperança de voltar a escrever e ser de novo
Limpando o guarda-roupa, as gavetas e a alma
Lavando o cerebro e botando pra fora todas as palavras que estao engasgadas no meio da minha garganta

Eu gritaria se pudesse
Mas minha mãe não viria me ajudar
Odeio mudanças

quarta-feira, 11 de maio de 2011

conseguem me entender?

Ontem eu estava estranha e ele me perguntou o que estava acontecendo e eu disse que nao queria dizer e hoje a conversa começa assim:

[14:27:24] Jonathan: vc nao vai msm me fala o q aconteceu
[14:27:26] Jonathan: ?
[14:27:39] Rafaela Correia: ainda nao
[14:28:05] Jonathan: ok, mas tbm nao me pergunte mas nada
[14:28:31] Rafaela Correia: te perguntar?
[14:28:33] Rafaela Correia: como assim?
[14:28:52] Jonathan: eu quero dizer q vamos ter um relacionamento fechado ok?
[14:29:23] Jonathan: nem eu pergunto o q vc acontece com vc,  o q vc fez e tal e vice evrsa
[14:29:33] Rafaela Correia: poxa amr, to numa fase dificil voce ainda fala desse jeito? so nao to conseguindo ainda me abrir sobre oq ta acontecendo
[14:30:11] Jonathan: eu so quero saber sobre do q se trata
[14:30:36] Jonathan: mas td bem nao precisa fala nao
[14:33:21] Rafaela Correia: Tudo oq eu precisava agora é so um apoio , um ombro, palavras de animo... ao invez disso voce vem com 7 pedras na mao ... assim fica ainda mais dificil pra mim ! Desculpa se eu nao to me sentindo bem pra falar do assunto, eu so quero esquecer ... nao pensar nos meus problemas, afinal pra que dramatiizar tanto as coisas se daqui a pouco passa e sempre há alguem com problemas bem mais sérios que os meus
[14:35:15] Rafaela Correia: eu so quero deixar isso pra lá... passar por cima como se as coisas nao tivessem acontecendo .. cada um lida de uma forma com os obstaculos e essa é a minha maneira... eu so tive um momento de fraqueza
[14:38:02] Jonathan: Rafaela nao quero saber de mais nada, vc fala se vc quiser eu nao sei pq ainda eu insisto, vc faz o q vc quiser da sua vida, nao vou mas me meter ou perguntar. qnd for procurar alguem pra conversar, pra desabafar e melhor vc procura suas amigas ta
[14:38:41] Rafaela Correia: obrigada jonathan por me deixar ainda pior

terça-feira, 10 de maio de 2011

Por onde começar...

Terça-feira meu relógio marca 18:41
A noite hoje está com cheiro e forma diferentes talvez seja eu que estou vendo as coisas de uma maneira diferente. Saindo de casa, as coisas estão tão normais, temperatura? nao faz frio e nem calor. Céu limpo, não há estrelas nem a lua para que eu possa me perder, perder meus pensamentos nessa imensidão.
Tenho tentado decifrar coisas que parecem que não há respostas e nunca haverá. Estou naquele momento de novo, sofrendo pelos amores que eventualmente passam pela minha vida. Tudo resolve acontecer sempre na mesma época do ano. Será o acaso? Amores não correspondidos, amores mal resolvidos e ainda há aquele que vivo tentando resolver..confissões e lamentações: 
- confesso que não o esqueci
- Lamento não ter forças pra lutar
Ou tudo isso já passou e eu apenas não consigo me conformar com a idéia. Gostaria ao menos ter o poder de resolver as complexidades do mundo, começaria por mim. Há muita coisa que tento resolver mas as soluções escapam pelos meus dedos como a areia. Diante de tantos lamentos e problemas não solucionados ando procurando ombro, um colo, alguém em quem me apoiar, acho porém que estou esperando muito de alguém que não tem ou nada quer me oferecer. Há momentos em que busco uma palavra ou apenas um gesto de que se importam, mas essas ações não acontecem, e ai o que acontece? vem minhas frustrações. Será que estou no caminho certo? Estou disposta a "carregar" isso comigo? Será? Sim ou Não? As respostas nunca me vem com exatidão e vou vivendo me arriscando. Não me pergunte se vai valer a pena pois eu não sei. O que tenho certeza é que se eu me arrepender, me arrependerei com a certeza de que tentei e possa valer a tentativa.

segunda-feira, 9 de maio de 2011

Fraqueza.



Sem você não tem sentido viver
Fico sem rumo sem chão
Não jogue o que vivemos fora
Penso em você toda hora
Trás de volta o meu sorriso (8)

sábado, 7 de maio de 2011

Namorar pra que?

Eu precisava de um meio para desabafo e então me achei mais próxima em vir aqui
Nao sei por onde começar, nao consigo organizar minhas ideias
Bom, namorar pra que? To cheia de problemas e cade alguem pra me ouvir , pra me dar colo, pra eu desabafar? Pensei que os namorados também estivessem aqui pra isso, se estão, o meu nao consta na lista.
Passei o dia inteiro com o subnick do meu msn escrito assim "Quero colo, quero um ombro, Por favor algum bom ouvinte..." Qual foi a atitude dele? "porque esse sub?" Resposta: To precisando de alguem pra conversar.
Acha que ele se ofereceu? HAHA, Piada ... a resposta dele foi curta "ENTENDI"... Depois disso nenhum dialogo, nenhuma palavra a mais, nenhum telefonema, nenhuma demonstração de preocupação.
Esse só foi um caso de muitos.
Sinto como se a vida dele fosse um mistério, nao consigo descobrir quem ele é de verdade. Sei apenas o que consegui perceber. Uma pessoa com forte probabilidade a ter dupla personalidade, pensa muito em si, dificil de demonstrar afeto, mas no fundo é uma pessoa amavel e companheira...
Enfim, eu só queria o que todas mulheres desejam . ATENÇAO

terça-feira, 3 de maio de 2011

Oh, veja como sou perfeito!

Emendando um livro no outro, mantendo a mente livre de pensamentos, desligada das aulas, sem muitos propositos. É a Caroline do inicio de Maio! *-*
Ah eu sei que sou uma menina encantadora.. que isso nem precisa dizer que eu to perdendo tempo pensando em banalidades, coisas pequenas, ja percebi só não sei em qual esquina irar pra não pegar o camiho mais longo pra felicidade. Ou entrar em uma rua sem saída de repente Oo
Ouvir JB me injuria, pensar no futuro me estressa e me deprime. Coisa chata essa de ou vai ou racha! E se eu quiser rachar? Heim heim? Fugir de decisões é bem mais facil que tomá-las sabia? Então aquele cretino que te fala " Que issooo, a solução está na sua cara, você só precisa dar um passo... é só dizer sim ou não." Ninguem sabe que por tras os sins e nãos existem lágrimas, dores, noites em claro, familias para tras, pensamentos inoportunos, responsabilidade incubida. Tempo frio, TPM, dia das mães e decisões me deixam amarga. Amarga mesmo. Por querer respostas, por querer companhia, por querer uma mãe do lado que me dissesse que eu cometeria um erro se ficasse por um nada. AI eu discutiria com ela dizendo que meu nada tem significado, e que embora ele nao me faça bem agora, ele ja fez um dia, e pode voltar a fazer, quem sabe?! Ela diria "minha filha, é o eu futuro" e eu responderia " Mãe, é o meu amor.." e desandaria a chorar no colo dela. Por fim eu ouviria um .. "Ele nao faria o mesmo por você". COnversa encerrada e cara emburrada o resto da tarde. Me rodeio de memorias da minha mãe que não gostava do que me fazia mal e me levava sa lágrimas. Me defendia de tudo e me colocava na cama. Mas as memorias nao me respondem, nã me dizem o que eu tenho que fazer nem onde eu vou errar, e quando eu vou sentir o erro cometido. Nã falam!
Preciso de dias promissores e de vida na minha voz. Os atos perfeitos dele não me permitem frustrar e dizer que nada da certo.
...

sábado, 16 de abril de 2011

Daica



Daica
Sexta, 15/04, 21:30

Hoje eu não estou muito legal. Minha "velhinha" - cachorra- morreu! É estranho notar que pela primeira vez em 17 anos ela não vai estar lá quando eu chegar em casa. Muitos podem dizer que é apenas um animal, mas pra mim ela foi muito mais. Foi minha amiga e companheira de infância. Como a diferença de idade entre meus irmãos e eu é grande não tive com quem brincar, não era de brincar na rua e sempre fui muito tímida. Ganhei ela quando eu tinha apenas 3 anos de idade. Foram inúmeras brincadeiras e travessuras. Confesso que na fase da adolescência acabei deixando ela de lado (coisa de aborrecente) e me arrependo disso. Posso dizer que de uns tempos pra cá me dediquei a compensar. Mas agora meu tempo com ela acabou.

Daica, sentirei sua falta minha "velhinha".

domingo, 10 de abril de 2011

Pare de procurar

Um dia você vai encontrar alguém que te lembre todos os dias que a vida é feita para ser vivida. Alguém que é perfeito de tão imperfeito. Alguém que não desista de você por mais que você tente afastá-lo. Naquele dia que você não estiver procurando por ninguém, naquele dia que você não ia sair de casa e acabou colocando a primeira roupa que viu pela frente. Quando você não estiver procurando, você vai achar aquela pessoa que faz você sentir que poderia parar de procurar.


Via VERDADE FEMININA

sábado, 9 de abril de 2011

Por onde andei..

And she will be loooved...(8)

Uma versão acústica que geralmente me dá sono e me leva a passados distantes onde o meu príncipe gostava de príncipes e eu chorava por ser a princesa que não seria resgatada.
Mais um sábado largada literalmente. O céu desabou hoje no Rio e, bem, mesmo que ele se mantivesse intacto e cintilando de estrelas provavelmente eu não colocaria minha carinha linda nem ao menos no portão. Primeiro porque não me fiz hoje, segundo porque embora a virose tenha me abandonado (graças a Deus), a cabeça hoje começou a dar sinais. Uns sinais estranhos que me fazem me sentir mais próxima da minha mãe. Tenso. Enfim... Sai cedo com papis para buscar um celular, e quando eu estava quase os colocando na minha bolsa.. ela me diz que era só no cartão. Vaca! Eu não tenho cartão, provavelmente seria uma arma na minha mão! Cometi um crime hoje sem ele, imagina se tivesse um!
Ahh e o que são os planos não é? Olhava pras roupas e imaginava em qual gostariam de me ver vestida... e pra que? Francamente, não sei porque me importo, eu não deveria.
Terminada semana de provas com alguns momentos angustiosos, como a prova de Legislação que eu tive uma dor de barriga daquelas que você é incapaz de controlar ou segurar ;x Nunca fiz uma prova tão rápido na minha vida! =P
Mas sobrevivi e com notas aceitáveis. Claro que eu gostaria de repetir o feito do semestre anterior, mas acho que eu desanimei com pessoas... em diversos ambientes, e ainda não aprendi a lidar com isso e separar da minha vida 'profissional'.
Dias correndo e a ameaça de mais uma despedida me assombra e me faz temer as decisões que eu naõ quero tomar. Só queria que fosse mais fácil. Só isso...

Sei de alguém que me ouviria ou leria minhas palavras, e mesmo sem poder ajudar, uma frase de musica ia encontrar pra me dizer as palavras certas. Pra cantar uma solução considerável, cantar algo que me acalmaria. Meus dias estão tão sem vida, tão vazios...

E continua chovendo...

Vida nova

Olá meu povo querido!

Pois é, ando meio (totalmente) desaparecida, mas é que tempo agora anda se tornando raro. Comecei a trabalhar e na faculdade cada vez mais trabalhos e problemas.
Essa semana que passou foi tenso na facul, temos um trabalho que vai durar o semestre inteiro e com um grupo definido pelo professor, dois andam pisando na bola e na segunda o bixo pegou. Um dos que pisam na bola mandou uma resposta invocada pra um dos caras do meu grupo e esse por sua vez retrucou. Na faculdade quase rolou briga e garanto que eu sei quem perderia. O que pisa na bola porque o outro é SÓ o atual vice-campeão regional (ou estadual?) de jiu-jitsu. E agora o clima no nosso grupo tá uma verdadeira porcaria!

Fora isso eu dormi no mínimo a 1 e acordei as 6 todos os dias. Quase dormi no meio do treinamento no trampo, mas superei! hsiuahsiuas.

Galera, só passei pra falar isso mesmo. Mas só pra constar ando completamente carente e aceito curriculos pra namorado!! hsuiahisua

Beijos e se cuidem!
;D

sábado, 2 de abril de 2011

Borboletas perdidas.

Eu gostaria de postar coma  frequencia com que eu costumo sumir. Mas já que não acontece, o jeito é ter breves surtos e aparecer por aqui nessas noites de chuva, virose e carência.
Peguei da minha dignissima irmã essa maldita virose que me leva ao banheiro de 5 em 5 minutos e nao me permite comer nada, além de me dar de acompanhante uma senhora dor de cabeça! Affe, fui obrigada a ficar em casa quando tinha um show que eu queria ter ido =(. O pior e todo mundo me chamando e eu não podendo ir. To com atenção de Deus e o mundo no msn, menos do namorado. É legal, geralmente quando eu preciso, ele quer dormir ou algo assim, ai as outras pessoas que passam horas e horas conversando comigo e perguntando de tempos em tempos se eu estou melhor, se tomei remedio, se nao vou dormir cedo, e outras coisas que eu gostaria que ele fizesse.
Fiquei horas tirando o atraso da matéria on-line respondendo fóruns, fazendo trabalhos e assistindo às unidades e claro printando pra usar na prova depois (6). Tentando manter a paciencia com certas coisas que me estressam profundamente no ambiente educacional. Bleh
Terminei tudo no tempo previsto.. agora to ouvindo Luan Santana... pra ver se desperta lá no fundo algo que eu costumava sentir com essas musicas. Sei lá, acho que nao estou obtendo sucesso...

Cadê minhas borboletas?...

domingo, 27 de fevereiro de 2011

Trabalho de Português da minha irmã

                                                        Caroline
Meu trabalho é sobre a minha irmã, estou totalmente sem criatividade mais vamos ver o que sai... Carol a minha irmã mais velha totalmente LOCA, ela me faz rir em todas as horas, é ciumenta e super necessitada de atenção, é protetora e amiga, ela me ensina muitas coisas e me ajuda a me arrumar e me manter organizada (coisa que eu não sou naturalmente) Adora me dar broncas e me chamar atenção com o garfo e tal, é meio chato no começo mas eu já me acostumei, é a pessoa mais linda que eu conheço, se eu for metade do que ela é hoje, eu já to feliz, trabalhadora, esforçada, diferente, engraçada, estudiosa, meu ponto seguro que não troco por nada.
As vezes me culpo por ela não ter toda atenção que devia,depois que a nossa mãe morreu ela pareceu não ser filha dela, foi colocada no lugar da minha mãe mais só Deus sabe como elas são diferentes e como são tão parecidas...é podo parecer uma confusão geral mais é assim que se resume a minha família CONFUSÃO os perfis psicológicos dela são totalmente indescritíveis. Às vezes quando ela ta de bom humor é demais, a gente ri, faz festa chora de tanto da risada,quando ela ta de mau humor a gente mal conversa, mais da pra ficar feliz. Nunca vi uma pessoa que é tão valente e lutadora como ela, nunca desistiu de realizar seus sonhos e de seguir em frente de cabeça erguida em situação de dificuldade eu nunca vi a minha irmã dizer que acabou, ela sempre aprende uma coisa nova e não deixa de lutar pelo o que quer,é muita coisa pra falar mais resumo em um pequeno texto “continua assim meio loca e totalmente retardada, Cah quero que vooc’ saiba que você é meu exemplo e vou telo pela vida toda como uma linda mulher que sabe o que quer e vai atrás de seus sonhos pois não vai esperar ninguém fazer por você” é assim que eu vejo a minha irmã mais velha, quer dizer meu exemplo de vida, que eu vou seguir por toda a minha existência e passarei para os meus filhos que você foi uma das grandes mulheres que já pode existir, você é INSUBISTITUIVEL  pra mim.... Saiba que                     EU AMO VOOC’

                                Fim

sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

Despedida

Estou me despedindo, despedindo de mim mesma,
me despedindo do que eu me tornei, desse meu novo eu que ja nao suporto mais conviver
Quero que volte meu antigo eu , aquele que sabe viver, sabe aproveitar as coisas que a vida tem a oferecer
Aquele antigo eu que nao se importa com as opnioes negativas que as pessoas tem a respeito dele 
Querem conhecer a nova Rafaela? bem ela será apresentada a voces nos proximos posts

obs: Agora postarei mas assiduamente 

quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

A impontualidade do amor

Você está sozinho. Você e a torcida do Flamengo. Em frente a tevê, devora dois pacotes de Doritos enquanto espera o telefone tocar. Bem que podia ser hoje, bem que podia ser agora, um amor novinho em folha.

Trimmm! É sua mãe, quem mais poderia ser? Amor nenhum faz chamadas por telepatia. Amor não atende com hora marcada. Ele pode chegar antes do esperado e encontrar você numa fase galinha, sem disposição para relacionamentos sérios. Ele passa batido e você nem aí. Ou pode chegar tarde demais e encontrar você desiludido da vida, desconfiado, cheio de olheiras. O amor dá meia-volta, volver. Por que o amor nunca chega na hora certa?

Agora, por exemplo, que você está de banho tomado e camisa jeans. Agora que você está empregado, lavou o carro e está com grana para um cinema. Agora que você pintou o apartamento, ganhou um porta-retrato e começou a gostar de jazz. Agora que você está com o coração às moscas e morrendo de frio.

O amor aparece quando menos se espera e de onde menos se imagina. Você passa uma festa inteira hipnotizado por alguém que nem lhe enxerga, e mal repara em outro alguém que só tem olhos pra você. Ou então fica arrasado porque não foi pra praia no final de semana. Toda a sua turma está lá, azarando-se uns aos outros. Sentindo-se um ET perdido na cidade grande, você busca refúgio numa locadora de vídeo, sem prever que ali mesmo, na locadora, irá encontrar a pessoa que dará sentido a sua vida. O amor é que nem tesourinha de unhas, nunca está onde a gente pensa.

O jeito é direcionar o radar para norte, sul, leste e oeste. Seu amor pode estar no corredor de um supermercado, pode estar impaciente na fila de um banco, pode estar pechinchando numa livraria, pode estar cantarolando sozinho dentro de um carro. Pode estar aqui mesmo, no computador, dando o maior mole. O amor está em todos os lugares, você que não procura direito.

A primeira lição está dada: o amor é onipresente. Agora a segunda: mas é imprevisível. Jamais espere ouvir "eu te amo" num jantar à luz de velas, no dia dos namorados. Ou receber flores logo após a primeira transa. O amor odeia clichês. Você vai ouvir "eu te amo" numa terça-feira, às quatro da tarde, depois de uma discussão, e as flores vão chegar no dia que você tirar carteira de motorista, depois de aprovado no teste de baliza. Idealizar é sofrer. Amar é surpreender.

Martha Medeiros

domingo, 13 de fevereiro de 2011

Momento “Deprê”!


Amanhã começa tudo outra vez, estagio, ônibus lotado que não para, ter que ir direto pra faculdade e sempre uma chuvinha de vez em quando pra ajudar.
Esse ano vai ser tenso na faculdade, Deus vai ter que me dar muita força porque eu já estou desesperada só de pensar. Passou tão rápido, já estou no 3º ano, meu Deus como os anos passaram rápido. E agora heis-me aqui, ano em que os alunos de Rádio e Tv organizam um evento chamado Comunicação em Destaque, ano em que se começa a parte científica do tão temido TCC. É crescer se torna cada dia mais difícil, pois esse ano também é o ultimo ano de estágio. Já estou pensando no que vou fazer depois, medo de me formar, e ficar parada.
Sei lá, eu planejo tanto, tanto, tanto, que parece que eu nunca saio do lugar, ando me cansando de planejar, queria tanto ver acontecer.
Pelo menos em meio a todo esse desanimo, tenho alguém que caminho comigo, e não podia deixar de encerrar esse post dizendo que hoje, completo 11 meses de namoro, outra coisa que passou super rápido também. E já estou chorando de saudades, sei que esse ano vai ser difícil, e só o amor vai poder fortalecer tudo isso. Mas tudo que acontece hoje tem um reflexo amanhã então creio que todo sacrifício valerá a pena.
Daqui pra frente vai ter muitos posts de desespero, stresse, raiva, tristeza, mas como diz minha amiga Caroline, esses são os melhores, mas também virá posts de muitas conquistas, alegrias, ideias... enfim é isso. Pra todos os estudantes universitários um bom retorno às aula.

terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

Volta às aulas e rede de amigos

Aquele clima maravilhoso de volta às aulas no ar. Não, não está não! Estes professores esse semestre já chegaram apavorando, projetos intediscilinares, trabalhos pra próxima semana! Uma loucura.

Fora isso anda tudo relativamente bem e se tudo correr bem em breve deixarei de estar desempregada! =D
Falando nessa questão de desemprego deixa eu falar de uma coisa importante pra arrumar um emprego. Tenha uma boa relação com as pessoas que o cercam, seja amigável, pois eles algum dia poderão lembrar-se de você e te indicar pra uma vaga. A nossa rede de amigos atualmente anda sendo de papel fundamental no campo profissional. O famoso QI (quem indica) anda bem forte, quando há abertura de vagas no quadro de funcionários eles costumam pedir alguma indicação de funcionários considerados por ele bons.

Deixada minha dica, fico por aqui! Mas prometo voltar em breve com novos posts. Estou com algumas ideias aqui na minha caxola! ;)

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

Você diz...

Você diz que ama a chuva, mas você abre seu guarda-chuva quando chove. Você diz que ama o sol, mas você procura um ponto de sombra quando o sol brilha. Você diz que ama o vento, mas você fecha as janelas quando o vento sopra. É por isso que eu tenho medo. Você também diz que me ama.“

(William Shakespeare)

quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

A palavra tem poder

Um texto que encontrei em uma de minhas leituras e que gostaria de compartilhar com todos, principalmente com a “galera da escrita”, sejam escritores, jornalistas ou blogueiros, o que importa é a forma de se comunicar.

“Escreva. Seja uma carta, ou um diário, ou algumas anotações enquanto fala ao telefone – mas escreva. Escrever nos aproxima de Deus e do próximo. Se você quiser entender melhor seu papel no mundo, escreva. Procure colocar sua alma por escrito, mesmo que ninguém leia – ou, o que é pior, mesmo que alguém termine lendo o que você não queria. O simples fato de escrever nos ajuda a organizar o pensamento e ver com clareza o que nos cerca. Um papel e uma caneta operam milagres – curam dores, consolidam sonhos, levam e trazem a esperança perdida. A palavra tem poder.”

Acreditem no que escrevem e saibam que por menor que seja sua expectativa em cima de algum texto alguém poderá ler e gostar, aproveitando o que de melhor ele tenha a oferecer. Sentimos que muitas vezes escrevemos para ninguém, mas a verdade é que escrevemos pra todos. Eles que ainda não descobriram nossas palavras! ;)

O trecho destacado foi retirado do livro Maktub de Paulo Coelho. Você pode até não gostar deste autor, mas o que está importando aqui é a mensagem. ;)



Além de escrever aqui no Mundex eu agora também to com um blog meu. Quem quiser seguir é o Pensamento 100 censura

domingo, 23 de janeiro de 2011

Romantismo e comédias românticas

Muitos caras acham a maior idiotice as comédias românticas e acham as garotas que as assistem umas bobas, mas quer saber? Eu sou uma das "garotas bobas" e não ligo para o que eles pensam. Na verdade eu sei que muitas garotas (incluo-me nesta contagem) assistem as comédias para que por um momento acreditem que o cara perfeito existe.

Sabe, aquele cara que é romântico, te escuta e aquele em quem você geralmente pode confiar. Só pro filme ficar mais interessante normalmente ele é um gato também.

Mas se querem saber, no grupo das que assistem as comédias românticas existe uma subdivisão. As que realmente sonham com o príncipe encantado, com todas as suas virtudes e nenhum defeito e aquelas que até sonham com um cara legal, mas que sabem que ele pode fazê-las sofrer e isso faz toda a diferença.

Diferença essa que significa não esperar demais e aproveitar o relacionamento numa boa.
Com o tempo até a mais romântica das garotas descobre que o príncipe encantado tão idealizado não existe, mas que nem por isso ela tem que aceitar qualquer sapo que cruze o seu caminho.

Mas agora vem um detalhe muito interessante, os homens reclamam que não entendem as mulheres mas às vezes nós só queremos um pouco de romantismo. Não precisa ser o tempo todo, mas de vez em quando a gente agradece. Até porque ser romântico sempre é perder a dose certa, passando do romantismo para o chatismo.

É meus queridos, as mulheres podem ser independentes, mas o romantismo decididamente ainda não saiu de moda!

terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Comigo é assim...






"Garotos fofos te deixam louca, garotos gostosos te fazem babar, garotos legais te fazem sonhar acordada, garotos maduros te deixam gagá, mas só garotos engraçados te fazem se apaixonar sem você se quer saber disso..."


domingo, 16 de janeiro de 2011

Cadê minha criatividade?

É, esse ano eu prometi postar mais, mas tá beeem difícil! Num sei onde foi parar a minha criatividade. Já comecei uns dois posts diferentes e não consegui terminar nenhum!

Só estou postando isso pra explicar a situação, mas mais uma vez sem muito o que dizer.

Só pra não perder o post. Carol, desculpa de novo por não ter ido na pizzaria, mas minha alergia - como já disse - me pegou de jeito ontem!

E pra quem vai ao cinema eu indico a nova animação da Disney: Enrolados, é muito divertido!


sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

I'm all about loving you!

Fico ouvindo essa musica e.. amanhã tô lá!
Vou ver o que me faz querer não dormir por dias pra poder aproveitar cada segundo.
Amanhã vou ter um abraço, meus amigos, e o brilho nos meus olhos =]
Amanhã vou estar um pouquinho mais perto do que um dia eu chamei de vida sem graça.


Como é bom saber que lá.. eu me sinto em casa de novo...

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

....

Chateada , chateada demais

Definitivamente quando dizem quem o ser humano é incompreensível nao mentem isso todos nós sabemos. Desde que o mundo é mundo os homens dizem que somos complicadas e dizemos o mesmo a eles. Mas porque tem que ser tao dificil assim?! Vou começar a explicar porque essa raiva toda.
Meu querido namorado resolveu querer levar vida de solteiro pelas baladas do Rio de Janeiro. Acho que ele fez alguma escolha errada em algum momento errado ou de namorar ou de badalar. Ele quer ter namorada e ficar curtindo a vida, faz isso porque sabe que eu nao posso acompanhar e ainda me faz parecer errada.
Eu sinto dizer mais assim nao ta dando. As vezes tenho vontade de dar um ponto final nisso tudo pra nao sofrer mais, as vezes acho que seria precipitação e exagero da minha parte. Ele é o tipo de pessoa que leva as palavras na ponta da letra que se ofende com facilidade que é ignorante por qualquer motivo. Ele nao é um poço de defeitos ele tem suas qualidades. é carinhoso, atencioso. Me conquistou de um jeito que ninguem tinha conseguido antes , mas ta dificil aprender a conviver com as demais coisas (gritos) . Nao quero deixa-lo só queria que ele mudasse, mais parece que ele nao muda por niguem e quem seria eu pra fazer a diferença?

domingo, 9 de janeiro de 2011

É poder!

Administrador não tem casa e família, tem uma organização e seus colaboradores.
Administrador não admira a natureza, analisa as partes na construção do todo.
Administrador não facilita discussão, entra em conflito.
Administrador não faz orgia, ele cria uma sociedade anônima sem fins lucrativos.
Administrador não fala, faz palestra.
Administrador não mobília a casa, planeja um layout.
Administrador não faz compras, investe em seu estoque.
Administrador não copia algo, faz benchmarking.
Administrador não troca idéias, pratica brainstorming.
Administrador não tem lua-de-mel, ele faz um seminário de integração com palestra de motivação e implantação de plano de premiação por resultados. 
Administrador não estuda, aumenta seu know-how.
Administrador não bebe, ele analisa o comportamento da estrutura em relação à aquisição de novas diretrizes liquidas. 
Administrador não vive no mundo, o mundo é que vive no administrador.
Administrador não conhece, aumenta sua rede de relacionamentos.
Administrador não tem trabalho, tem missão. 
Administrador não sonha, tem visão.
Administrador não erra, ele testa o mercado fazendo projeções simuladas.
Administrador não cansa, tem parada estratégica.
Administrador não tem amigos, tem cúpula de agentes.
Administrador não tem paciência, tem amplitude de controle.
Administrador não tem problema, tem diagrama de Ishikawa.
Administrador não é mulherengo, é operador de controle de qualidade.
Administrador não faz fofoca, faz marketing da informação adquirida.
Administrador não dança, faz mapeamento sistêmico do terreno.
Administrador não paquera, ele fornece dados com finalidades especificas.
Administrador não come, ele incorpora insumos para a continuação do processo.
Administrador não é egoísta, ele é monopolizador absoluto.
Administrador não é corno, ele só tem sócio acionista com participação efetiva.
Administrador não trai, ele investe em novos empreendimentos. 
Administrador não pensa, faz analise SWOT.
Administrador não rouba, faz contabilidade própria do patrimônio liquido de terceiros. 
Administrador não tem ressaca, tem avaliação de perdas e ganhos. 
Administrador não se arruma, faz 5s no seu corpo.
Administrador não faz sexo, faz análise de recursos humanos com introdução prática.
Administrador não tem filhos, implanta um programa de formação de novos líderes.
Administrador não faz festa, faz reunião de colaboradores para a disseminação de experiências e competências adquiridas no contexto individual com propósitos coletivos. 
Administração não é um curso, é poder! 

Ano Novo!Vida Nova?


Às vezes me canso dessa parada de “ano novo! vida nova”. Primeiro porque vida nova é você quem faz, não importa se o ano está começando, está no meio ou no fim.
Lógico que, no inicio do ano temos mais gás, temos mais vida, mas coragem de enfrentar as coisas.
Eu quero desejar sim, um excelente ano novo a todos. Mas o que eu quero deixar aqui hoje é o seguinte, esteja sempre com esse ar de vida nova, viva como se sempre fosse virada do ano, como se o dia primeiro de janeiro fosse todos os dias, afinal não vale só recomeçar a vida no começo do ano. Ou por um acaso, quando chegar o mês de maio e você tiver tido um problema, se você tiver errado tropeçado e caído, você vai esperar o próximo ano pra recomeçar? Claro que não! Se você reparar, estamos sempre recomeçando, dia-a-dia. E muitas vezes sem você nem perceber você já recomeçou várias vezes em apenas um ano.
Uma vez eu ouvi dizer não me lembro onde e nem quem disse, mas gostei muito e gostaria de compartilhar com vocês.
É preciso traçar suas metas mês a mês, porque se você faz uma lista para o ano todo você se perde em tudo aquilo que quer conquistar, então trace suas metas por mês, assim fica mais fácil e organizado para alcançar tudo àquilo que deseja
E então o que você deseja pra esse mês de Janeiro? O que você quer alcançar?
Eu por exemplo, estou de férias esse mês de janeiro, estou fazendo aulas de direção e minha meta para esse mês é ser aprovada no dia do exame e conseguir minha habilitação.
Ai você me diz, só isso? Sim pra esse mês é só essa a minha meta, assim eu me foco só nisso, e consigo conquistar.
Não sei se você também é assim, mas se eu quero muitas coisas ao mesmo tempo eu acabo não conseguindo atingir trinta por cento do que eu queria conquistar.
Então vou com calma, eu ainda tenho onze meses para me organizar.
Espero que eu venha compartilhar com vocês todos os meses o que foi conquistado.
A todos muita força, garra e determinação, para que no final do ano sua lista de metas vire sua lista de conquistas do ano de 2011.

sábado, 8 de janeiro de 2011

Um pouco de mim...


Paula de Morais Corrêa: a menina que brinca e a mulher que ensina, a menina tímida e a mulher despojada, a menina do conto de fada e a mulher que adora elaborar um roteiro de sua própria vida com as mais diversas histórias, a menina que da altas gargalhadas e a mulher que seduz, a menina que morre de medo de um temporal e a mulher que adora se aventurar na tempestade, a menina ciumenta e a mulher que deixa livre o que ama, a menina que se prende ao medo e a mulher que adora se arriscar, a menina dos sonhos e a mulher das realidades, a menina simples e a mulher que trabalha por amor e prazer ao que faz, a menina malcriada e a mulher que reconhece todos os puxões de orelha e tem a certeza de que eles foram fundamentais para sua formação, a menina que chora e a mulher que se mostra forte a todo momento, a menina indecisa e a mulher que sabe o que quer, a menina quieta e sozinha e a mulher que conquistou poucos, verdadeiros e raríssimos amigos, a menina mimada e a mulher compreensiva, a menina que não sabia pra onde ir e a mulher que deixa ser guiada por Deus, a menina muitas vezes excluída por ser única e a mulher rodeada por pessoas por ser reconhecida como única...
A menina de sempre e a mulher que pode te surpreender.

Ela é a Paula

A dona do sorriso que eu nunca vi apagado. A que dava conselhos e tentava falar sério, mas depois de 5 minutos caia na gargalhada e te fazia rir junto das bobeiras. A que ia pra escola, olhava pro quadro, fazia companhia ao Rudson mas incrivelmente nunca sabia nada quando eu perguntava ;x. A UNICA por quem eu andava a Madame Curie INTEIRAAAAAAA pra ir visitar!
É ela, nova contribuinte do Mundex, mais uma que ri que chora, que sente e faz sentir...
Seja bem vinda Paulinha ;*

quinta-feira, 6 de janeiro de 2011

Feliz 2011!

Ainda não postei, alias, não posto ha séculos! Eu e minha mania de ficar tempos e tempos longe da escrita. Ando distante de um monte de coisas. VOltei aos livros agora, mas me perdi das anotações, dos cuidados comigo, dos cremes de cabelo, das musicas de todos os dias... Me perdi. Estou no meio de uma semana em que a dor de cabeça não me deixa nem por um minuto, nem ao menos quando estou dormindo, então não se importe caso as palavras soem amargas. Eu estou amarga. Não sei qual o motivo de tantas náuseas e a velocidade altissima em que o munto insiste em rodar. Não, não estou grávida! Só não estou bem. E agradeço por estar com a Yasmin longe de mim, pois eu seria muito rude com ela nessa minha semana seiláoque!
Me da vontade as vezes de vir postar os momentos de felicidade tão extrema que nada, absolutamente nada me incomoda. Então eu me lembro que posts felizes são chatos ¬¬. Mas é bom deixar por aqui, caso eu queira me lembrar umd ia, que eu tive uma semana muito... não tenho palavras para descrever, mas é algo que eu quero pra mim todos os dias sabe? Acordar cedo, ir trabalhar, voltar pra casa, ele estar me esperando, tomar um açaí, comer Ruffles cebola&salsa xD, ser colocada na cama e ter beijo de boa noite, pra depois começar tudo de novo. Queira Deus que seja com ele meu destino... Não é todo mundo que compra sorvete de menta-gosto-de-pasta-de-dente só porque vocÊ gosta, ou deixa sua vaca de pelúcia abraçando o pacote de biscoito passatempo que você pediu de brincadeira.. Ou resolve na ultima noite te amar de um modo tão intenso que faz você não ter forças para ir andando até sua cama ;x
Não é todo mundo que faz com que ue me sinta tão completa... é ele apenas. (momento brega) Enfim, passagens de ano, natais, presentes, churrascos&maischurrascos, bebidas, risdas, chuvas e conversas... Assim foram as ultimas semanas de 2010. Nem tenho do que reclamar não, tá muito bom pra começo de ano! Agora é só pedir pro Cara lá abençoar nosso 2011 e repensar sobre acabar o mundo em 2012!
Desejo risos, lagrimas, minha carteira de motorista ;), amigos, amor, pai e irmã, chocolate, comida de vó e muita MUITA saude pra poder viver tudo isso. O resto a gente da um jeitinho né?

Calor infernal nesse lugar chamado Rio de Janeiro, pensar que o ano tá só começando. Nem quero ver quando chegar fevereiro..março. To na bosta. ¬¬ Ir pra faculdade suada (gatenha),com a franja ruim. Tava bem pensando em comprar uma dessas pranchas pequenas sabe? De palma de mão? Pelo menos eu vou conseguir arrumar a franja antes de sair daqui. QUero voltar as aulas logo e quero ficar em casa. Quero ver a Rafa e as pessoas mas quero dormir cedo e não ter provas. Quero só imaginar o que meu pai quis dizer com um 'Acho que você nem vai terminar a faculdade." se bem que... melhor nem imaginar. Seja lá oq ue for que ele pensa, eu não vou jogar alguns milhares do dinheiro dele e nem alguns anos da minah vida fora!

Vou dar um tempo, tirar 5 minutinhos pra voltar pro Ladrão de Raios, tomar uma água e respirar. Eu mereço!



Feliz 2011 galere!
Cuidem-se! E fazer planos é uma boa pra começo de ano, traçar metas sabe? Ajuda a criar um certo foco nas ações, repensar atitudes, lutar pelos objetivos e é claro, chegar no final do ano e ver que conquistou ainda mais do que estava escrito no papel. Coisas que não são mensuráveis... mas que engrandecem sua vida.

domingo, 2 de janeiro de 2011

Adeus Ano Velho Feliz Ano Novo!!

Eeeeeeeee mais um ano que se inicia e toda uma esperança que se renova.
A esperança de que neste ano nossos sonhos se realizem. Mas que sonhos seriam esses? Para alguns sonhos de amor, pra outros de riqueza (os 4 que ganharam a Mega da Virada já relizaram esse), e muitos outros sonhos como: emagrecer, ser feliz, conseguir um emprego, passar na faculdade, parar de fumar, entrar pra academia, ser menos estressado...

Acredito que todas as promessas e sonhos de início de ano são válidos desde que venha acompanhado de esforços pra alcançar seus objetivos. Sim, de esforços. Sinto te informar, mas nada acontece tão por acaso assim. Um pouquinho (ou muito) de determinação ajuda.

Este ano não tenho muitas promessas de início de ano. Só espero que o ano seja bom e que eu passe no concurso para o qual já estou estudando (sim, num fui eu mesma quem disse que devemos nos esforçar pra alcançar nossos objetivos?).

Agora deixe-me colocar aqui outras promessas de início de ano pra que fiquem registradas:
- Começar a correr (pra deixar o corpo durinho né rsrs)
- Postar mais no blog (e algo que preste né!!)
- Ser feliz (: